Adeus dCi e TCe. Renault será exclusivamente elétrica em 2030

Todos os modelos da Renault serão elétricos a partir de 2030

0 aos 100 15/01/2022 Noticias

A Renault decidiu acelerar o processo de completa eletrificação da gama, confirmando que vai dedicar-se em exclusivo à comercialização de modelos elétricos a partir de 2030.

“Temos a obrigação de participar nesta transição...” para a neutralidade carbónica na Europa, afirmou Luca de Meo, CEO da marca francesa, em declarações ao Automotive News Europe.

Veja ainda:

A decisão da Renault é semelhante à de outros construtores que também já assumiram igual compromisso, como por exemplo a Peugeot, a Fiat, a Opel e a Ford Europa. 

O objetivo será alcançado com uma “ofensiva” de propostas elétricas, com o lançamento de 24 novos modelos até 2025, a começar com o SUV Mégane E-Tech, que será lançado na próxima primavera, a que se seguirão duas novidades revivalistas já confirmadas, o Renault 5 (a lançar em 2024) e a 4L (prevista para 2025).

E os híbridos?

Em relação aos modelos existentes com tecnologia híbrida ou híbrida plug-in (Clio, Mégane, Captur, Arkana, Austral...), espera-se uma evolução com novas gerações ao longo desta década, prolongando a sua vida útil até 2035, no máximo, já que é o prazo estabelecido pela União Europeia para a venda de motores térmicos, coexistindo com os novos modelos puramente elétricos.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Hyundai Kauai N-Line. Quando a irreverência enche (ainda mais) as medidas
Pub