Impressionante coleção dos mais raros BMW M à venda por 2,1 milhões

Para os amantes da BMW, esta garagem será uma espécie de sétimo céu. Um paraíso na terra, por assim dizer

0 aos 100 10/11/2018 Noticias

O Enthusiast Auto Group, concessionário de Cincinnati especializado nos clássicos mais raros da empresa de Munique e que normalmente é notícia pelos preços estratosféricos dos seus exemplares mais raros, acaba de anunciar a venda de uma coleção completa, composta por algumas das peças mais raras ​​da BMW e da BMW Motorsport.

Praticamente todos os modelos que a compõem pertencem às versões mais raras, mais caras e desejáveis ​​que a empresa criou e, acima de tudo, a divisão BMW M, já que falamos de algumas das versões mais carismáticas e adoradas pelo público e especialmente, por colecionadores da BMW.

Uma pequena olhadela à lista desta coleção revela que o colecionador responsável por juntar estas magníficas 13 unidades é um verdadeiro especialista BMW, já que todos são raros.

São precisamente o tipo de exemplares mais procurados por um grande número de colecionadores, alguns deles autênticos clássicos, como o BMW M1, o BMW Z8 e o BMW M3 E30 Sport Evolution.

Lista completa

BMW M1 1981

BMW M3 E30 Sport Evolution 1990

BMW M3 E36 Lightweight 1995

BMW M3 E46 Competition Package 2005

BMW M3 E92 Lime Rock Park Edition 2013

BMW Z1 1991

BMW Z3 M Coupe 2001

BMW Z4 M Coupe 2007

BMW Z8 Roadster 2003

BMW M5 E39 2002

BMW M5 E28 1988

BMW M6 E24 1988

BMW 1M Coupe 2011

Entre todos, é fácil destacar os BMW M1 e Z8, visto que são os mais raros e mais procurados. O mais impressionante é que muitos destes BMW são praticamente novos, com quilometragens realmente ridículas.

Outros modelos interessantes, como o Z3 M e o Z4 M Coupé, não são tão valiosos quanto o M3 E30 Sport Evolution 1990 e o M3 E36 Lightweight de 1995. Este mesmo concessionário colocou à venda vários exemplares como este por preços acima dos 125 mil dólares.

Relacionadas:

Em relação ao preço que o Enthusiast Auto Group pede, 2,3 milhões de dólares (cerca de 2,1 milhões de euros) por toda a coleção, parece-nos um valor realmente alto. Supondo que o modelo mais caro é o M1 e que não deve superar o meio milhão de dólares, isto deixa 1,8 milhões para ser distribuído entre os outros 12 veículos, então temos uma média de 150.000 dolare por carro. Simplesmente impossível.

É certo que adquirir todos estes BMW de uma vez só é uma vantagem, embora não acreditemos que haja muitos colecionadores dispostos a pagar 2,3 milhões pelo conjunto, já que a grande maioria deles não é difícil de encontrar e por preços significativamente mais baixos.

Deixe o seu comentário