CDS quer desconto nas portagens para híbridos e elétricos

Entregue uma proposta de alteração para beneficiar quem tenha adquirido veículos amigos do ambiente

Miguel Costa 17/11/2017 Noticias

O CDS entregou uma proposta de alteração para beneficiar quem tenha adquirido veículos amigos do ambiente. A ideia é dar um desconto de 10%.

O partido pretende que o Orçamento de Estado para 2018 preveja uma redução no custo das portagens para os veículos híbridos e elétricos. O desconto nas portagens seria de 10%. Esta sexta-feira, às 21h, termina o prazo para os partidos submeterem as alterações para o Orçamento do próximo ano.

“Considerando que durante os últimos anos se tem apostado na mobilidade amiga do ambiente e que o Governo criou já um incentivo à aquisição de veículos elétricos, faz sentido que se possa continuar a apostar na massificação deste tipo de veículos”, argumentam os centristas na proposta de alteração ao Orçamento do Estado para o próximo ano.

Veja ainda: Importação de híbridos e elétricos disparou em Portugal. Porquê?

O desconto de 10% em portagens beneficiaria “os veículos que incorporem motores elétricos capazes de mover o veículo de forma autónoma e que utilizem dispositivos eletrónicos para pagamento de portagens”.

Na proposta do Governo está apenas prevista a manutenção do incentivo à compra de carros elétricos. Este ano foram entregues mil cheques de 2.250 euros. Para 2018, o Governo não refere ainda qual será o valor do cheque, nem quantos cheques estarão disponíveis.

Deixe o seu comentário