Toyota Yaris e Mazda2 já sem motores a gasóleo

Está a pensar comprar um utilitário a gasóleo? Então apresse-se. O cerco está a apertar-se e são cada vez menos os modelos disponíveis com este tipo de motores

0 aos 100 14/10/2018 Noticias

A indústria automóvel está em profunda revolução e a maior “vítima” são os motores a gasóleo, cujas vendas vão continuar a cair, até ao seu desaparecimento. A mudança de paradigma já se faz sentir com o desaparecimento dos motores gasóleo da oferta dos modelos utilitários, precisamente os modelos mais vendidos em Portugal.

Os exemplos acumulam-se e uma rápida visita aos configuradores confirmam esta mudança de filosofia. É o caso da Toyota, onde o Yaris, à semelhança de todo o catálogo de ligeiros, deixou de estar disponível com motores a gasóleo. Agora, apenas está disponível com motores 1.0 e 1.5 a gasolina, além do híbrido.

Outro exemplo é o Mazda2, disponível apenas com o motor 1.5 Skyactive-G, a gasolina, mas também o novo Hyundai i20, igualmente disponível apenas com motores a gasolina.

Relacionadas:

Também o novo Skoda Fabia chega a Portugal disponível apenas com motores a gasolina, tal como o novo Suzuki Swift, também ele disponível desde o lançamento apenas com motores a gasolina.

Sobram o Citroen C3, Renault Clio, Peugeot 208, Opel Corsa, Volkswagen Polo, Seat Ibiza e Nissan Micra, entre outros. Mas não por muito tempo. Quando chegarem à mudança de geração (uns mais cedo que outros), também os motores a gasóleo irão desaparecer.

Deixe o seu comentário