Como fica um carro após 100.000 km? A Seat revela

Engenheiros passaram um dia e meio a desmontar o automóvel e a analisar as peças uma a uma

0 aos 100 07/03/2021 Noticias

Em que estado fica um carro depois de fazer 100.000 quilómetros? Esta foi a questão a que uma equipa de engenheiros da Seat decidiu responder com a desmontagem de um Ateca peça por peça, para determinar a resistência do seu SUV.

Segundo o engenheiro de Desenvolvimento do Centro Técnico da Seat José Luis Duran, “após 100.000 km, o veículo deve responder da mesma forma que no início”. Assim, um Ateca foi submetido a “todos os tipos de terreno” durante nada menos que 100.000 km.

Posteriormente, o Ateca foi “desmembrado” para ser alvo de um exame minucioso. A operação de desmontagem resultou em nada menos que 4000 peças soltas, cada uma com uma especificação própria, para responder dentro dos parâmetros esperados a diferentes perfis de utilização e a variações de temperatura (tolerância ao frio e ao calor), resistência à dilatação e à contracção, entre outros.

Veja ainda: 

Segundo a marca, entre a decomposição do Ateca e a análise individual dos 4000 componentes, a operação consumiu “dia e meio”. Mas a prova foi superada.

“O resultado, uma colagem de peças que, como um tetris, encaixam perfeitamente sobre uma tela branca”, sublinhou a Seat, que divulgou o vídeo inédito da desmontagem do Ateca.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Toyota Corolla Touring Sports TREK, uma carrinha com 'alma' SUV
Ao volante do Hyundai Kauai Hybrid. Inteligência funcional