Renault Clio já anda a gás

Uma estreia na gama Renault, com significativos trunfos ao nível dos custos de utilização

0 aos 100 05/12/2018 Noticias

O primeiro modelo da Renault a GPL é o Clio TCe 90 Bi-Fuel LIMITED. Está equipado com o motor TCe 90 (GPL + Gasolina) e já está disponível em Portugal, por um preço de 18.110 euros.

"Com os preços dos combustíveis tradicionais em alta, a solução do GPL apresenta-se como um uma opção inteligente, ultrapassados que estão os estigmas associados a este tipo de motorização que, até há não muito tempo, obrigavam ao uso discriminatório de um dístico azul e interditavam o acesso a parques de estacionamento subterrâneos", refere a Renault Portugal em comunicado.

O Clio TCe 90 Bi-Fuel LIMITED dispõe de dois sistemas de injeção específicos, assim como de um depósito de combustível para gasolina (45 litros) e outro para GPL (33,6 litros). O arranque do motor ocorre sempre através da combustão de gasolina, passando, de forma automática e, ao fim de alguns segundos para GPL, em função da temperatura do motor.

Relacionadas:

Quando o depósito GPL fica vazio, a alimentação faz, automaticamente, a mudança para o depósito a gasolina e com uma suavidade dificilmente percetível pelo condutor. Contudo, a qualquer momento, o condutor pode também passar de gasolina para GPL em andamento, através de um botão colocado no painel de bordo. 

Um bom negócio a partir dos 35.000 km

Atendendo à atual diferença de preço da gasolina (com um custo aproximado de 1,64 euros/litro) face ao do GPL (com um custo aproximado de 0,68 euros/litro), é fácil perceber que as vantagens da versão TCe 90 Bi-Fuel face à sua homologa a gasolina, TCe 90, não demoram a manifestar-se.

O maior investimento inicial na versão a GPL (mais 1.250 euros) é diluído pouco depois de cumpridos os primeiros 35.000 km de utilização, graças ao preço do GPL, cujo custo por litro é, nesta altura, menos de metade do que o da gasolina.

Contas feitas, com 50.000 km percorridos com a versão Bi-Fuel, a poupança é na ordem dos 500 euros e de cerca 2.200 euros assim que forem cumpridos os 100.000 km.

Deixe o seu comentário