Aston Martin mostra interior do Valkyrie

Novas imagens sobre o hipercarro que está a ser desenvolvido entre a da Aston Martin e a Red Bull. Só 150 unidades serão produzidas

0 aos 100 02/11/2018 Noticias

Dizer que o Valkyrie é o modelo mais esperado da Aston Martin na história recente não parece ser um grande eufemismo. As pessoas anseiam por ver mais do hipercarro da Aston Martin e da Red Bull e as duas empresas sabem disso muito bem.

A verdade é que a Aston Martin está a aproveitar todo o “ruído” (leia-se curiosidade) em torno do Valkyrie para impulsionar os seus canais nas redes sociais. Por exemplo, a página do Instagram da Aston Martin é onde se podem encontrar três novas fotos do hipercarro.

As imagens deixam ver um esquema de pintura bicolor que combina dois tons contrastantes de azul. Mais importante ainda, uma das fotos deixa ver o interior do Valkyrie.

Como seria de esperar, o “cockpit” é uma verdadeira sinfonia de fibra de carbono, Alcantara e tecnologia inspirada na competição. Basta olhar para o volante semelhante aos dos Fórmula 1 que integra todos os controlos necessários para o piloto. Também conta com um visor que mostra a velocidade, o regime e muitos outros parâmetros.

Existem nada menos que três visores no habitáculo, um do lado esquerdo (possivelmente como substituto do retrovisor esquerdo) um no centro do painel e um do lado do passageiro – estes dois último direcionados para o condutor.

A inspiração na F1 é óbvia, até na posição de condução. A Aston Martin diz que o Valkyrie apresenta uma posição de "pés para cima" que garante ao condutor que "se sinta em sintonia com o carro para a melhor experiência de condução".

Sobre as especificações e as performances do Valkyrie, a Aston Martin ainda pouco adianta, apenas que terá um motor V12 atmosférico que pode permitir que o desportivo tenha uma relação potência-peso de 1: 1.

Relacionadas:

O motor está a ser desenvolvido pela Cosworth, e há algum tempo uma fonte interna deste fabricante já deixou escapar a seguinte frase: "Nós somos famosos por bater recordes e nosso mais recente motor, o V12 para o Aston Martin Valkyrie, com 6,5 litros, será o mais potente motor de estrada atmosférico do mundo, com 1145 cv".

A produção do Valkyrie arranca apenas no segundo semestre 2019, algo que não impediu que as 150 unidades (mais 25 para pista) que serão produzidos já estejam todas vendidas, cada um por 2,3 milhões de euros (mais impostos).

Deixe o seu comentário