Arábia Saudita cria marca de carros elétricos

Nova marca terá tecnología Foxconn e componentes da BMW

0 aos 100 07/11/2022 Noticias

A Arábia Saudita, em conjunto com a Foxconn, empresa taiwanesa responsável pelo fabrico da grande maioria dos iPhone, vai criar a primeira marca de veículos elétricos do país do Médio Oriente.

A nova marca vai chamar-se Ceer, conforme anunciado pelo primeiro-ministro da Arábia Saudita e presidente do fundo soberano nacional, o príncipe herdeiro Mohammad bin Salman bin Abdulaziz.

Em comunicado, a Foxconn adiantou que as primeiras unidades deverão estar disponíveis a partir de 2025, em linha com a estratégia do país árabe em diversificar a economia do país até 2030.

“A Arábia Saudita não está apenas a construir uma nova marca de automóveis, estamos a iniciar uma nova indústria e ecossistema que atraia investimentos internacionais e locais, criando oportunidades de emprego para talentos locais e ajudar a aumentar o PIB da Arábia Saudita”, destacou Mohammed bin Salman no anúncio do lançamento do Ceer.

Licenças de componentes BMW

A nova empresa, uma joint venture entre o fundo soberano saudita e a Hon Hai Precision Industry (controladora da Foxconn), terá licenças tecnológicas para componentes BMW para desenvolvimento de veículos.

Por seu turno, a Foxconn desenvolverá a arquitetura elétrica dos carros, “que resultará num portfólio de produtos que liderará as áreas de infoentretenimento, conectividade e tecnologias de condução autónoma”, destacou a empresa taiwanesa.

Todos os modelos serão projetados e fabricados na Arábia Saudita e testados "com os mais altos padrões de segurança e controlo global de qualidade", acrescentou a Foxconn.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Toyota Yaris 1.5 híbrido. Espécie evoluída
Hyundai Kauai N-Line. Quando a irreverência enche (ainda mais) as medidas