Primeiro BMW a hidrogénio já está em produção

iX5 Hydrogen terá uma produção em pequena escala

0 aos 100 05/09/2022 Noticias

A BMW arrancou com a produção do seu primeiro modelo alimentado a hidrogénio, o iX5 Hydrogen.

O SUV, que terá uma produção (e comercialização...) em pequena escala, faz uso de pilha de combustível que alimenta motor elétrico da quinta geração da tecnologia BMW iDrive, com um rendimento máximo anunciado de 374 cv.

As operações de reabastecimento duram apenas entre três a quatro minutos, com a BMW a garantir que o iX5 Hydrogen pesa significativamente menos que um SUV elétrico de iguais dimensões.

Veja ainda:

Por mais limitada que seja a produção, é de enorme importância porque marca um ponto de viragem para a BMW e a Alemanha em plena crise energética, garantindo que o hidrogénio continue a ganhar peso na indústria automóvel e na transição para soluções limpas e renováveis.

“Como uma fonte de energia versátil, o hidrogénio tem um papel fundamental a desempenhar no caminho para a neutralidade climática. E também ganhará substancialmente em importância quando se trata de mobilidade pessoal", afirmou o Presidente do Conselho de Administração da BMW Group, Oliver Zipse, um dos responsáveis ​​pela inauguração da linha de produção do iX5 em Munique, Alemanha.

A BMW não revelou a capacidade da bateria que acumula a energia gerada pela célula de combustível, além de não ter adiantado detalhes sobre a autonomia do SUV a hidrogénio.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Hyundai Kauai N-Line. Quando a irreverência enche (ainda mais) as medidas
Pub