Portugueses vencem 24 Horas de Le Mans

Toyota conquistou a categoria 'rainha' da icónica prova francesa. Desilusão para Filipe Albuquerque

0 aos 100 12/06/2022 Desporto

António Félix da Costa, entre os LMP2, e Henrique Chaves, nos GTE Am, venceram as 24 Horas de Le Mans.

Na categoria rainha, a vitória foi para o Toyota do neozelandês Brendon Hartley, do suíço Sébastien Buémi e do japonês Ryo Hirakawa, com 2.01,222 minutos de vantagem sobre os companheiros de equipa, o argentino José Maria Lopez, o britânico Mike Conway e o japonês Kamui Kobayashi, no outro Toyota híbrido.

O norte-americano Ryan Briscoe, o francês Franck Mailleux e o britânico Richard Westbrook (Glickenhaus) foram terceiros.

Félix da Costa, que fez equipa com o britânico William Stevens e com o mexicano Roberto González aos comandos de um Oreca Gibson da Jota, venceram entre os LMP2, onde a equipa da Algarve Pro Racing a ser a melhor entre os LMP2 Am.

Nesta categoria, Filipe Albuquerque (Oreca) foi abalroado logo no início da prova, caindo para a cauda do pelotão. Quando recuperavam e estavam entre os 10 primeiros, um pedaço de borracha acertou no botão de emergência do Oreca, desligando-o em plena corrida, fazendo a equipa do português perder mais dois minutos, acabando na décima posição dos LMP2.

“Há coisas que não acreditamos possíveis. E o que nos aconteceu foi uma delas. Segundos depois do arranque para uma corrida de 24 horas sermos abalroados é algo difícil de digerir”, lamentou o piloto de Coimbra.

“O resultado está longe do que desejávamos, mas pelo menos fica o sentimento de dever cumprido. As coisas não aconteceram por factores externos que não podemos controlar. Mas isto são as corridas e em especial as 24h de Le Mans. Agora é pensar na próxima prova….”, concluiu Albuquerque não sem antes: "Dar os Parabéns ao António Félix da Costa e ao Henrique Chaves pelas vitórias”.

A fazer a sua estreia em Le Mans, Henrique Chaves, acompanhado pelo norte-americano Ben Keating e com o dinamarquês Marco Sorensen, venceu a categoria GTE AM, com um Aston Martin da TF Sport.

“Foi um esforço extraordinário da parte de toda a equipa e uma estreia de sonho para mim, aqui”, referiu Henrique Chaves nas redes sociais.

Por fim, na categoria GTE Pro, a vitória ficou para o francês Fredéric Makowiecki, o austríaco Richard Lietz e o italiano Gianmaria Bruni, num Porsche 911.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Nissan Juke 1.0 DIG-T N-Design: Perfil ganhador
Pub