BMW i5 terá versões eDrive40, xDrive40 e M50

Elétrico derivado do novo Série 5 chega em 2023

0 aos 100 22/02/2022 Noticias

A gama “i” prepara-se para ser reforçada com o i5, a variante elétrica do Série 5 G60, que chega em 2023. O modelo, que estará disponível nas versões berlina e carrinha (Touring), destina-se a concorrer com o Audi e-tron GT, Mercedes-Benz EQE, Porsche Taycan e Tesla Model S, bem como com o futuro Audi A6 e- tron.

Segundo o BMW BLOG, o novo modelo estará disponível em três versões: eDrive40 (tração traseira), xDrive40 (tração integral) e M50 (tração integral). Assim, irá traçar a gama do seu irmão mais pequeno, o i4 (segmento D), que apesar de atualmente estar disponível apenas com as variantes eDrive40 e M50, receberá em breve uma versão xDrive40.

As especificações técnicas da mecânica não deverão variar muito do i4. Assim, o eDrive40 poderia oferecer 340 cv (250 kW) de potência e 430 Nm de binário, o xDrive40 326 cv e 630 Nm, e o M50 544 cv (400 kW) e 795 Nm.

Veja ainda:

Fala-se ainda na adoção de uma bateria de elevada capacidade, aproveitando a plataforma maior do i5 em relação ao i4, o que permitiria ao novo modelo fazer frente ao futuro Audi A6 e-tron, cuja autonomia será de cerca de 700 km WLTP em algumas versões. Portanto, não devemos descartar que reaproveite as baterias de 111,5 kWh já vistas no iX.

Esteticamente, não deverá haver muitas diferenças em relação à Série 5 a combustão. Apenas a grelha (que ficará fechada), para-choques e difusor serão diferentes.

O i5 será, de resto, um dos últimos elétricos da BMW a recorrer a plataforma modular CLAR, que em 2025 será substituída pela nova arquitetura “Neue Klasse”, otimizada para motorizações elétricas. Entre outras melhorias, a plataforma "Neue Klasse" incorporará um sistema elétrico de 800 volts.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Toyota Yaris 1.5 híbrido. Espécie evoluída
Hyundai Kauai N-Line. Quando a irreverência enche (ainda mais) as medidas