'Arena del Futuro', o circuito de testes do carregamento por indução

Circuito de testes foi já considerado pela revista 'Time”'como uma das 100 invenções mais importantes de 2021.

0 aos 100 06/12/2021 Noticias

Está já em fase de testes a ‘Arena Del Futuro’, um troço de 1050 metros numa área privada da autoestrada italiana A35, entre Brescia e Milão, destinada a testes de carros elétricos com tecnologia de carregamento indutivo.

O projeto da Stellantis, que envolve diversos parceiros tecnológicos (entre eles as Universidade de Roma, de Parma e o Politécnico de Milão), representa a concretização de um passo importante rumo a mobilidade elétrica, tendo sido considerado pela revista Times como uma das 100 invenções mais importantes de 2021.

Esta pista de 1.050 metros de comprimento é alimentada por uma potência elétrica de 1 MW. O “Arena del Futuro” está agora pronto para testar, em condições reais, a tecnologia inovadora utilizada para carregar veículos elétricos quando estes circulam nesse percurso.

Veja ainda:

Os primeiros testes já tiveram lugar com um Fiat 500e e um autocarro Iveco E-Way. O objetivo é demonstrar como o sistema DWPT (Dynamic Wireless Power Transfer) se perfila como uma das melhores tecnologias candidatas a responder de imediato e de forma concreta às necessidades de descarbonização e de sustentabilidade ambiental no setor da mobilidade.

“Esta é uma solução de vanguarda que dá uma resposta concreta aos desafios de autonomia e de carregamento que preocupam os clientes”, afirma Anne-Lise Richard, Head of the Global e-Mobility Business Unit da Stellantis.

“Estamos a acelerar o nosso papel na definição da mobilidade do futuro e, neste sentido, a tecnologia DWPT parece-nos estar de acordo com o nosso desejo de oferecer uma resposta concreta às exigências dos clientes. Carregar os veículos enquanto estão em movimento oferece vantagens claras em termos de tempos de carregamento e de dimensão das suas baterias”, acrescenta.

A oferta potencial de serviços inovadores como o sistema DWPT ajudará a Stellantis a cumprir os seus objetivos ambiciosos de eletrificação anunciados aquando do “EV Day”: até 2030, mais de 70% dos veículos vendidos na Europa e mais de 40% dos vendidos nos Estados Unidos serão veículos de baixas emissões.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Pub
Hyundai Kauai N-Line. Quando a irreverência enche (ainda mais) as medidas