Soc. Com. C. Santos na 'faixa de rodagem' da 'curta' Oblívio

Sociedade Comercial C. Santos foi um dos parceiros da produção da curta-metragem Oblívio

0 aos 100 17/09/2021 Noticias

A curta-metragem Oblívio teve estreia mundial no último domingo (dia 12), no Cinema São Jorge em Lisboa, no âmbito do festival MOTELx, em que foi nomeada para melhor curta-metragem de terror portuguesa. No filme, que tem os atores Vítor Silva Costa, Joana Africano e Edir Rodrigues no elenco, um detetive questiona as semelhanças do crime que investiga com as suas próprias ações, após acordar com uma mulher morta ao seu lado e sem memória da noite anterior.

A presença da Sociedade Comercial C. Santos na “faixa de rodagem” da produção consistiu na cedência de uma viatura para parte das filmagens. O automóvel em causa, um Mercedes-Benz GLC, surge numa cena em que a personagem protagonizada por Vítor Silva Costa (o detetive) tenta aproximar-se de uma mulher (Joana Africano), mas é derrubado pelo guarda-costas desta (Edir Rodrigues). Esta cena em que o Mercedes-Benz GLC é “ator” foi filmada no Palacete Pinto Leite, no Porto.

“Sempre que nos é possível, gostamos de dar o nosso contributo operacional à cultura. Aliás, a cultura, a par do desporto e da ação social, são áreas às quais gostamos de associar-nos, pelo que ficámos satisfeitos por podermos estar ‘presentes’ na curta-metragem Oblívio, à qual desejamos, naturalmente, todo o sucesso nas várias exibições que tem agendadas”, afirma o responsável de relações públicas da Sociedade Comercial C. Santos.

Exibições em toda a Europa

A curta-metragem Oblívio será exibida em outras salas de cinemas portuguesas e não só. Com efeito, o filme terá, também, seleções e exibições um pouco por toda a Europa. É possível acompanhar as informações atualizadas sobre esta curta-metragem nas redes sociais Facebook e Instagram.

Veja ainda:

Ricardo M. Leite é um realizador e argumentista natural dos Açores, mas que, atualmente, vive no Porto. Finalizou em 2021 o mestrado em Produção e Realização Audiovisual da Escola Superior de Media, Artes e Design.

Estreou-se mundialmente com a curta-metragem de sci-fi LOOP (2019), vencedora do Prémio Sophia Estudante de 2020, pela Academia Portuguesa de Cinema. Oblívio é a sua segunda experiência como realizador.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Mercedes-Benz B 250e: ora elétrico, ora gasolina!
Nissan Juke 1.0 DIG-T N-Design: Perfil ganhador