Rocks-e, o microcarro elétrico da Opel

'Elétrico de quatro rodas mais barato do mercado' terá também um gémeo da Opel

0 aos 100 25/08/2021 Noticias

A Opel apresentou o seu novo modelo elétrico, o Rocks-e, um veículo de dois lugares que não é mais que a versão alemã do Citroën AMI, que chega ao mercado português em setembro com o título de “o elétrico de quatro rodas mais barato”.

Tal como o modelo da Citroen, também o Rocks-e é homologado como quadriciclo, podendo ser conduzido por jovens a partir dos 16 anos, com carta de condução da categoria B1. Tem 2,41 metros de comprimento (menos 9 cm que o Smart ForTwo), 1,39 m de largura e pesa 471 só kg. 

O motor elétrico de 8 cv permite-lhe atingir uma velocidade máxima de 45 km/h. O motor é alimentado por uma bateria de 5,5 kWh de capacidade que lhe dá um alcance máximo de 75 km (WLTP), sendo possível carregar por completo a bateria em 3h30 numa tomada doméstica. A marca alemã fornece um adaptador que possibilita efetuar carregamentos num posto público.

O nome escolhido Rocks-e recupera a designação utilizada nas versões "aventureiras" do ADAM Rocks e KARL Rocks. Em relação ao Ami, o Rocks-e diferencia-se no “nariz” (estilo Vizor), nas luzes diurnas em LED e nos farolins traseiros, enquanto no interior apenas foi alterado o logótipo.

Veja ainda:

"O Rocks-e proporciona uma mobilidade elétrica inteligente e funcional ao alcance de todos, e será o centro das atenções", afirma o Diretor de Vendas e Marketing da Opel, Stephen Norman. "A Opel é genuinamente 'menschlich' [humana] e acessível, sendo o Rocks-e mais um excelente exemplo disso".

O Rocks-e estará disponível primeiro no mercado alemão, com lançamento agendado para o outono de 2021. A comercialização noutros países está em avaliação, devendo ocorrer durante o ano de 2022.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Hyundai Kauai N-Line. Quando a irreverência enche (ainda mais) as medidas
Toyota Yaris 1.5 híbrido. Espécie evoluída