Toyota Mirai já tem duas unidades matriculadas em Portugal

Portugal junta-se aos países que já tem nas suas estradas automóveis a circular movidos com pilha de combustível a hidrogénio.

0 aos 100 03/08/2021 Noticias

O modelo da Toyota movido a hidrogénio já tem as duas primeiras unidades matriculadas em Portugal, dando assim início a uma nova era da mobilidade automóvel no nosso país.

"Assinala-se desta forma o início da nova era da mobilidade automóvel no nosso país, e que passa a contar com a liderança e a experiência da Toyota nesta área", refere a Toyota em comunicado.

O Mirai conta com uma célula de combustível, um motor de 182cv e uma bateria compacta de 1.24 kWh. A velocidade máxima do novo Mirai é de 175 km/h e a aceleração de 0 a 100 km/h faz-se em 9,2 segundos.

A autonomia é de 650 km com um simples abastecimento de menos de 5 minutos. Os 3 depósitos de hidrogénio estão distribuídos pela carroçaria, distribuindo o seu peso e tornando a condução mais ágil.

Veja ainda:

Em Portugal, o Mirai está disponível nas versões Luxury, Premium e Limousine, com preços que começam nos 67.168 euros. Para as empresas serão 55.168 euros + IVA, já que o imposto é dedutível a 100%.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Pub
Toyota Yaris 1.5 híbrido. Espécie evoluída