Futuro elétrico da Land Rover passa por um Defender a hidrogénio

Testes em condições reais de estrada de um Defender 'alimentado' a hidrogénio começam ainda este ano

0 aos 100 15/06/2021 Noticias

A Jaguar Land Rover (JLR) deu início ao “Project Zeus”, com o arranque dos testes dos primeiros protótipos do Defender Fuel Cell Electric Vehicle (FCEV), alimentados a hidrogénio. Os testes em condições reais de estrada e em todo o terreno começam ainda este ano.

O construtor britânico, que pretende atingir a neutralidade carbónica até 2039, acredita que o hidrogénio desempenhará um papel fundamental no futuro da mobilidade, uma vez que oferece “zero emissões” com reabastecimentos rápidos e boa autonomia a baixas temperaturas.

Veja ainda:

As especificações técnicas não foram reveladas, mas as imagens divulgadas mostram um Defender com dois depósitos de hidrogénio de alta pressão a acompanhar uma bateria para a célula de combustível e que recupera a energia gerada durante a travagem.

A célula de combustível surge colocada onde normalmente estaria localizado o motor de combustão, com uma entrada de ar para a mistura com o hidrogênio na célula de combustível.

O projeto Zeus, de resto, está a ser financiado pelo governo britânico e conta com parceiros como a Delta Motorsport, AVL, Marelli Automotive Systems e o centro de industrialização de baterias do Reino Unido.

A Jaguar Land Rover estima que em 2030 poderão existir 10 milhões de carros a hidrogénio a circular nas estradas e mais de 10 mil postos de abastecimento.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Toyota Corolla Touring Sports TREK, uma carrinha com 'alma' SUV
Hyundai Tucson 1.6 TGDi 48V. SUV com personalidade!