Plaid chega e sobra. Tesla cancela Model S Plaid+

Esqueça a versão Plaid+ e os seus prometidos mais de 1100cv de potência, o Plaid, com 'apenas' 1020 cv, chega e sobra!

0 aos 100 07/06/2021 Noticias

A Tesla cancelou o lançamento do Model S Plaid+, a versão mais “extrema” da berlina elétrica que tinha lançamento previsto para setembro, com mais de 1100cv e 840 km de autonomia. Aliás, as pré-encomendas (cujo número não foi revelado) já tinham sido suspensas em maio.

"O Plaid+ foi cancelado. Não há necessidade, já que o Plaid já é muito bom", escreveu Elon Musk no Twitter, defendendo que, o Plaid “já é o carro mais rápido alguma vez feito, seja em que segmento for”

A versão Plaid+ causou enorme impacto pelos números que anunciava: mais de 1100 cv (debitados de um trio de motores) com a promessa de 840 km de autonomia, 320 km/h de velocidade máxima e 1,99 segundos dos 0 aos 100 km/h.

Através do Twitter, o patrão da marca norte-americana justificou que não precisa desta versão pois o Plaid convencional é tão bom quanto o Plaid+. E, realmente, os números não são assim tão diferentes – pelo menos no papel.

Veja ainda:

O Plaid normal promete números como 1020 cv, 628 km de autonomia e os mesmos 320 km/h de máxima, sendo que a aceleração dos 0 aos 100 km/h faz-se em 2,1 segundos.

Em Portugal, o Model S Plaid tem um preço de 120.990 euros, mais 30 mil euros que a versão "Long Range" que anuncia 670cv de potência, uma autonomia de 663 km e aceleração dos 0 aos 100 km/h em 3,2 segundos.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Mercedes-Benz B 250e: ora elétrico, ora gasolina!
Toyota Corolla Touring Sports TREK, uma carrinha com 'alma' SUV