Ford lança farpa à concorrência: 'Os para-choques do Mach-E não caem'

Provavelmente saberá para quem foi a indireta, mas a Ford não referiu concretamente nenhuma marca

0 aos 100 03/01/2021 Curiosidades

Os construtores de automóveis arranjam sempre tempo (e motivo) para umas trocas de galhardetes. Agora foi a Ford que decidiu dar uma alfinetada a um determinado construtor de automóveis elétricos.

Em entrevista ao Autoblog, o Diretor de Desenvolvimento de Produto Global da Ford para carros elétricos, Darren Palmer, referiu que os "pára-choques do Mustang Mach-E não caem e o teto não sai quando é lavado" e muito mais.

Palmer não aponta nomes, mas é por demais óbvio que refere-se a uma popular marca de automóveis elétricos e aos problemas de qualidade e de montagem conhecidos e já assumidos por esse mesmo construtor (sim, é esse mesmo...).

O responsável foi ainda mais longe e enumerou mais alguns problemas e defeitos, afimando ainda que "as portas do Mach-E encaixam-se corretamente, os plásticos e outros materiais combinam com a pintura" e "os puxadores não ficam bloqueados quando está frio".

Veja ainda:

As palavras do responsável, que podem causar alguma polémica, refletem, contudo, a esperança de que o Mach-E não tenha problemas de qualidade relevantes, realçando os milhões de quilómetros de testes realizados com o SUV elétrico.

O Mustang Mach-E, de resto, já pode ser encomendado em Portugal. Os preços arrancam nos 49.901 euros para a versão Base (Premium de dois motores e tração às quatro rodas a partir dos 57.321 euros). As primeiras entregas estão previstas para abril.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ao volante do Hyundai Kauai Hybrid. Inteligência funcional
Toyota Corolla Touring Sports TREK, uma carrinha com 'alma' SUV