Coronavírus: três membros de duas equipas de F1 com suspeitas de contágio

GP da Austrália está agendado para o próximo fim de semana

0 aos 100 11/03/2020 Desporto

Três elementos da McLaren e da Haas foram testados devido à suspeita de terem contraído Covid-19, o novo coronavírus.

Enquanto o resultado das análises não é conhecido, os três elementos permanecem em isolamento.

"Podemos confirmar que um membro da nossa equipa está em isolamento voluntário no hotel como medida de precaução, em linha com a nossa política, depois de ter apresentado sintomas compatíveis com o coronavírus", explicou a McLaren, em comunicado.

Para já, não há certezas quanto ao impacto que um teste positivo poderá ter no Grande Prémio de abertura da temporada, que está previsto para domingo.

Veja ainda:

As autoridades australianas proibiram na quarta-feira viagens provenientes de Itália, medida que não afeta as equipas Ferrari e Alpha Tauri, nem o pessoal da Pirelli, fornecedora oficial de pneus do campeonato, pois já tinham viajado antecipadamente.

A organização da corrida decidiu, também, trocar as sessões de autógrafos dos pilotos por sessões de perguntas e respostas.

"Não serão permitidas 'selfies', autógrafos ou outras formas de contacto direto", anunciaram os organizadores.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva
DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente