VÍDEO: tecnologia microhíbrida do novo Golf desliga o motor durante quase 4 minutos

Oitava geração do Golf estreia as versões eTSI, nos motores 1.0 de 110cv e 1.5 de 150cv

0 aos 100 26/12/2019 Noticias

O novo Volkswagen Golf, cuja apresentação internacional decorreu no Douro, é um dos últimos modelos a adotar a tecnologia “mild-hybrid”, que na versão 1.5 TSi acrescenta a capacidade de desligar dois dos seus quatro cilindros quando circula a velocidade de cruzeiro.

Rebatizado de eTSI, este motor de 1,5 litros conta agora com uma bateria de iões de lítio a 48V, que faz de alternador e motor de arranque, além de dar uma mão ao motor a combustão para reduzir o consumo e emissões.

Veja ainda:

Este sistema permite ao novo Golf manter todos os sistemas eletrónicos do veículo em marcha enquanto o motor a gasolina está desligado, ao mesmo tempo que o motor elétrico dá uma ajuda nas acelerações, atua como alternador para recarregar as duas baterias e melhora a eficiência do sistema Start&Stop. Funciona também como motor de arranque, o que permite eliminar componentes secundários e, ao mesmo tempo, reduzir o peso.

No vídeo abaixo é possível ver um teste com o novo Golf pelas estradas da região do Douro, no qual se vê que o motor a gasolina esteve desligado durante 3 minutos e 51 segundos, ajudando assim a um consumo médio de apenas 4,4 litros aos 100 km durante um percurso de 33 quilómetros, onde o motor térmico esteve desligado ao todo por 9 minutos e 45 segundos, ou seja, 24 por cento do tempo de viagem (40 minutos).

Em Portugal, o novo Golf estará disponível com dois motores dotados de tecnologia eTSI microhíbrida, o 1.0 eTSI de 110cv e o 1.5 eTSI de 150cv. As primeiras unidades chegam em março, com preços a partir dos 26.000 euros.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente
Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva