Renault lança Kangoo e Master a hidrogénio

Pilha de combustível a hidrogénio serve como extensor de autonomia, quase triplicando a autonomia dos comerciais

0 aos 100 22/10/2019 Noticias

A divisão de veículos comerciais da Renault acaba de apresentar as versões a hidrogénio dos Kangoo e Master. O Kangoo Z.E. Hydrogen estará disponível ainda este ano, enquanto o Master Z.E. Hydrogen chega em meados de 2020.

Os dois comerciais surgem equipados com uma pilha de combustível “range extender”, que assegura uma potência elétrica e térmica de 10 kW, permitindo aumentar a autonomia do MASTER Z.E. Hydrogen e do KANGOO Z.E. Hydrogen para mais de 350 km (contra, respetivamente, 120 km e 230 km das versões 100% elétricas).

O hidrogénio tem ainda outra vantagem: um tempo de carga de apenas 5 a 10 minutos!

O hidrogénio é armazenado num depósito de alta pressão. Para o Kangoo: 74 litros /1,7 kg / 350 bars (ou 700 bars, consoante o país), e para o Master: 2 reservatórios de 53 litros /2,1 kg / 700 bars (cada depósito).

A pilha de combustível converte o hidrogénio e o oxigénio do ar ambiente em água, criando uma corrente elétrica. A bateria e a pilha de hidrogénio fornecem energia elétrica ao motor.

A pilha de combustível arranca automaticamente (o condutor também a pode acionar) quando o nível de carga da bateria está a 80%, de forma a manter ou a carregar a bateria a pouco e pouco (nos momentos de paragem durante a condução). Quando o nível de carga da bateria é inferior a 2%, é possível utilizar apenas o hidrogénio a baixa velocidade e para percursos reduzidos.

No interior, foi adicionado um ecrã suplementar que informa sobre o estado do sistema e o funcionamento da pilha de combustível, o aquecimento do habitáculo, o nível do hidrogénio, o enchimento de hidrogénio e a autonomia restante.

Em média, atualmente deve ser considerado o valor de 15€/kg para uma carga de hidrogénio.

Estão disponíveis duas opções de recarga: 350 bars e 700 bars.

- O KANGOO Z.E. Hydrogen está dotado de uma pilha de hidrogénio de 10 kW (5 kW elétrico e 5 kW térmico), o que permite dispor de mais 29,7 kWh (no máximo) do que é oferecido pela bateria de 30 kWh do Kangoo Z.E. É proposta uma dupla oferta de depósitos: 350 bars e 700 bars.

- O MASTER Z.E. Hydrogen está dotado de uma pilha de hidrogénio de 10kW (5 kW elétrico e 5 kW térmico), o que permite dispor de mais 56 kWh do que uma bateria Master Z.E. de 33 kWh. O depósito de hidrogénio é de 700 bars.

Em França, a Kangoo Z.E. Hydrogen vai estar disponível por um preço de 48.300 euros, sem IVA.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Teste ao Usado. Mercedes-Benz CLA Shooting Brake 180d AMG: Fazer tudo bem não é para todos...
Teste ao Usado: BMW 520d Touring. Elegância é isto!