Harley-Davidson suspende produção de moto elétrica

Problema com os carregamentos levou a marca a travar a produção da LiveWire

0 aos 100 15/10/2019 Noticias

A Harley-Davidson anunciou que suspendeu temporariamente a produção e entregas da sua primeira mota elétrica, a LiveWire, devido a um problema no sistema de carregamento.

“Descobrimos um problema durante a verificação final de qualidade; parámos a produção e as entregas e começámos a fazer testes e análises adicionais, que estão a progredir bem. Estamos em contacto próximo com os nossos parceiros e clientes e assegurámos que podem continuar a conduzir as motas LiveWire. Como é costume, temos a mais alta qualidade como prioridade principal”, pode ler-se no comunicado oficial da empresa.

Veja ainda:

A Harley-Davidson não revelou quanto tempo vai estar a produção parada, adiantando que vai recolher as motas eletricas já entregue e que os seus clientes não devem carregar as motos em casa e que o seu carregamento só pode ter lugar nos carregadores instalados nos concessionários da marca.

A Livewire está equipada com um motor elétrico de 106 cv de potência, uma autonomia de 225 km e é capaz de alcançar os 100km/h em apenas 3 segundos. Tem um preço, em Portugal, de 34.500 euros.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'
Teste ao Usado: BMW 520d Touring. Elegância é isto!