Miguel Oliveira faz história no MotoGP

Português somou no Grande Prémio da Argentina os seus primeiros pontos no MotoGP

0 aos 100 31/03/2019 Desporto

Miguel Oliveira terminou o Grande Prémio da Argentina no 11º lugar, conquistando os seus primeiros pontos no MotoGP. A organização ainda chegou a dar o 10.º lugar ao piloto de Almada, mas depois reviu a classificação (não classificou Fabio Quartarato, oitavo classificado e melhor rookie) e o português baixou um posto.

O português da KTM conquistou assim cinco pontos no segundo grande prémio da temporada. Foi o segundo melhor estreante (após a revisão da classificação), o segundo melhor KTM, terminando ainda na frente de Jorge Lorenzo (Honda).

O piloto da Tech3, que arrancou da 14.ª posição, chegou a perder um lugar no arranque, mas à quinta volta já era 13.º, assumindo o 11.º lugar na última volta da corrida, para terminar a 25,855 segundos do vencedor, o espanhol Marc Márquez (Honda).

O campeão em título dominou a segunda prova do campeonato desde o arranque, terminando com 41.43,688 minutos, menos 9,816 segundos do que o italiano Valentino Rossi (Yamaha) e 10,530 relativamente Andrea Dovizioso (Ducati).

Veja ainda:

No Mundial de Pilotos, Oliveira é agora 15º lugar e o segundo melhor rookie no Mundial. Está a 2 pontos do 14º, que é Jorge Lorenzo.

Confira AQUI os resultados do GP da Argentina.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Teste ao Usado: BMW 520d Touring. Elegância é isto!
Teste ao Usado. Mercedes-Benz CLA Shooting Brake 180d AMG: Fazer tudo bem não é para todos...