MotoGP: Miguel Oliveira mais rápido que Zarco no primeiro dia de testes

Piloto português mostra-se estar cada vez mais adaptado à sua KTM RC16

0 aos 100 06/02/2019 Desporto

Miguel Oliveira (Tech3) esteve em destaque no primeiro dia de testes oficiais de pré-temporada de MotoGP, esta quarta-feira no circuito de Sepang, na Malásia. O piloto português alcançou o 16.º melhor tempo, tendo rodado na sua melhor volta em 2m00,902s.

Oliveira, que mostrou estar mais adaptado à sua KTM RC16, completou 56 voltas e bateu Johann Zarco, piloto da equipa oficial da KTM, que não foi além do 20.º tempo. Superou, também, em quase um segundo o colega de equipa Hafizh Syahrin, piloto malaio e que portanto conhece muito bem a pista de Sepang.

"O nosso dia correu bem. Demos um passo atrás porque não conseguimos rodar tanto quanto queríamos com as duas motas e as mudanças que fizemos levaram-nos algum tempo, mas a equipa fez um bom trabalho", sublinhou o piloto de Almada, em declarações divulgadas pela sua assessoria de imprensa.

Miguel Oliveira frisou, contudo, que o trabalho foi proveitoso.

"Adaptámos o nosso programa e conseguimos testar tudo o que queríamos. Fizemos muitas boas voltas, o que é um sinal positivo", sublinhou.

A volta rápida no final do dia "foi boa", até porque "no geral o ritmo foi bom", mostrando-se "satisfeito com este primeiro dia" e com esperança de "melhorar ainda mais" na quinta-feira.

Relacionadas:

No topo da tabela de tempos deste primeiro dia de testes de pré-temporada terminou Marc Márquez (Honda), que apesar de não estar totalmente recuperado da intervenção cirurgia ao ombro esquerdo, realizou o melhor tempo, ao rodar em 1m59.621s, relegando Alex Rins (Suzuki) para o segundo lugar a 0,259s.

O terceiro melhor tempo foi alcançado por Maverick Viñales, que foi o melhor piloto da Yamaha a 0,316s de Marc Márquez.

O testes de pré-temporada em Sepang prossegue na quinta-feira com a realização do segundo de três dias de trabalhos, que arrancam pelas 2h00, de Portugal Continental, e prolongam-se ate às 10h00.

Deixe o seu comentário