Paulo Gonçalves abandona Dakar2019

Piloto de Esposende sofreu traumatismo craniano na quinta etapa. Foi retirado de helicóptero

0 aos 100 11/01/2019 Desporto

Azar para Paulo Gonçalves na quinta etapa do Dakar2019. O piloto oficial da Honda sofreu uma violenta queda ao km 155 da especial desta sexta-feira e foi forçado a desistir pela quinta vez no Dakar.

De acordo com a organização, o piloto luso “foi forçado a abandonar com um traumatismo craniano leve e uma possível fratura numa mão”, tendo sido retirado do percurso de helicóptero.

"Seguia de forma tranquila, sem querer cometer qualquer excesso. Não sei sequer como caí. Julgo ter batido numa pedra escondida e fui projetado numa zona de fesh-fesh [poeira]. Senti muitas dores após a queda", comentou ao final do dia, já depois de ter sido assistido no hospital.

Gonçalves acrescentou que "não estavam reunidas as melhores condições para poder continuar em prova" e deixou um agradecimento "ao Sam Sunderland pela pronta ajuda no local".

O piloto português ocupava a oitava posição da geral à partida para a etapa desta sexta-feira que liga Moquegua Tacna a Arequipa, segunda parte da etapa maratona, num total de 776 km, 345 dos quais de especial.

Relacionadas:

Deixe o seu comentário