VÍDEO: cinco feridos no Grande Prémio de Macau

Sophia Floersch, de 17 anos, saiu de pista e embateu contra um casa que albergava jornalistas

0 aos 100 18/11/2018 Desporto

Cinco pessoas ficaram  feridas num aparatoso acidente no Grande Prémio de Macau de Fórmula 3.

A corrida foi interrompida pouco antes das 16:00 (08:00 em Lisboa), sendo retomada quase uma hora após o carro da jovem alemã Sophia Florsh ter saído de pista em voo, embatendo depois numa casa de metal que albergava jornalistas, sofreu uma fratura na coluna e vai ser operada, não correndo risco de vida. O acidente aconteceu na abordagem à curva do Hotel Lisboa.

Do acidente aparatoso, que obrigou à interrupção da corrida, resultaram ainda mais quatro feridos. A começar por Sho Tsuboi, piloto japonês cujo carro foi albaroado pelo de Sophia, já descontrolado. Sho foi internado com dores nas costas e está a fazer exames para determinar a lesão.

Fora da pista ficaram feridos um oficial da corrida e dois repórteres fotográficos. O primeiro sofreu lesões na face, uma fratura maxilar e no tronco, estando também internado. Um fotógrafo japonês sofreu uma concussão e está estável, enquanto um repórter fotográfico chinês foi hospitalizado com uma laceração no fígado.

Sophia Florsh, de 17 anos, natural da Alemanha, faz a sua estreia no Grande Prémio de Macau. 

No ano passado, a competição ficou marcada pela morte do piloto britânico Daniel Hegarty (Honda), de 31 anos, na sequência de um acidente, ocorrido a meio da prova de motos, que não registava fatalidades desde 2012.

A vitória foi para o britânico Daniel Ticktum. O piloto de 19 anos, que largou da primeira posição da grelha, venceu pela segunda vez consecutiva, com a melhor volta a ser registada com um tempo de 2m10s617.

Em segundo lugar, ficou o sueco Joel Eriksson a 1s208 do piloto britânico. Sacha Fenestraz, francês de 19 anos, ocupou o último lugar do pódio, numa corrida onde o filho de Michael Schumacher, Mick, de 19 anos, não conseguiu repetir o sucesso alcançado pelo pai em Macau, onde o heptacampeão mundial de Fórmula 1 venceu em 1990, ficando em quinto lugar.

Deixe o seu comentário