45 milhões de euros em carros!

Uma das mais impressionantes coleções de automóveis da Europa

0 aos 100 08/11/2018 Curiosidades

Um armazém nos arredores de Vigo “esconde” mais de uma centena de preciosidades do empresário Manuel Ferreira. A coleção está avaliada em 45 milhões de euros e está agora à venda.

E estamos a falar de quê? Bom, desde um Mercedes-Benz 540 K Roadster (apenas foram produzidas 19 unidades) avaliado em mais de 2 milhões de euros ou um Alfa Romeo Giulia TZ2 de 1965, do qual foram fabricadas apenas 12 unidades, e que em 2009 venceu o Gran Turismo Trophy no Concurso de Elegancia de Pebble Beach (California). Está avaliado em algo como 2,3 milhões de euros.

Ao todo, 107 carros, onde se destacam ainda um Aston Martin DB5 dos anos 60, vários modelos Rolls Royce, Ferrari, Bentley e Bugatti, mas também um Lamborghini Miura e um Countach; dois AC Cobra; um Mustang de 1965; um Porsche 356 Speedster; um Pegaso Z 102; um Delorean DMC (o carro do filme “Regresso ao Futuro”); um Ford GT 40 ou um BMW M1.

A lista inclui carros de competição, nomeadamente de ralis, com vários Lancia (um Stratos de 1973, um S4 de 1985 com as cores Martini, um Integrale e um 037, e Porsche (um 911 RS de 1974 ou um 914 R V6 de 1980).

Esta coleção permaneceu vários anos bloqueada pelo fisco espanhol porque o seu proprietário, Manuel Ferreira, estava envolvido numa fraude fiscal, um caso em que acabou absolvido em 2016.

O proprietário foi pioneiro nos telefones móveis na Galiza, fundou em 1978 o grupo Redcom e na dácada de 90 tornou-se no principal distribuidor da Airtel (posteriormente Vodafone), com mais de 270 lojas em toda a Espanha.

Por uma década (o tempo que durou a investigação e até a decisão do tribunal), o proprietário não podia dispor destes bens para venda. Mas agora todo o lote vai a leilão, de acordo com um documento que vazou para as redes sociais e que estabelece um montante de 45 milhões para toda a coleção.

Relacionadas:

Ainda que, salvo alguma exceção, os carros não serão vendidos individualmente, os preços variam entre os 15.000 euros de um Mazda 323 GTR e de Mini Cooper MKII de 1968 e os 2.300.000 euros do Alfa Romeo Giulia TZ2 de 1965.

São 107 veículos de diferentes períodos e é "uma das coleções mais valorizadas na Espanha pela exclusividade de suas peças e pelo estado de conservação das mesmas, perfeitamente documentadas".

Deixe o seu comentário