Novo Suzuki Jimny desilude nos testes do EuroNCAP

Apenas três estrelas, menos do que qualquer carro testado em 2018

0 aos 100 29/10/2018 Noticias

O novo Suzuki Jimny desiludiu nos testes do EuroNcap, garantindo apenas três estrelas em cinco possíveis.

Segundo os resultados divulgados, o Jimny consegue 73% na proteção de ocupantes (menos do que qualquer carro testado em 2018) e apenas 50% nos sistemas de segurança.

A obtenção de uma quarta estrela - ou mais - pode ser tão simples com a inclusão de um capot ativo, um sistema ISOFIX no banco do passageiro, um airbag para os joelhos e um sistema de travagem de emergência (AEB) mais evoluído – para funcionar à noite e detetar ciclistas - e também mais eficaz.

Relacionadas:

Com estas melhorias, o Jimny não teria sido tão penalizado nos testes de atropelamento, onde alcançou um resultado de apenas 52%, e a análise das assistências à condução, com apenas 50%.

O modelo analisado pela EuroNCAP corresponde ao Suzuki Jimny 1.5 no nível de equipamento JLX, o nível intermédio da gama.

Sobre a proteção dos ocupantes, o EuroNCAP destaca negativamente a proteção do torso do condutor (fraca) em caso de colisão frontal parcial e a cabeça dos passageiros traseiro (também fraca) a uma colisão frontal completa. No lado positivo, deve-se notar que, no caso de impacto lateral, seja contra um veículo ou poste, a avaliação obtida é a mais alta.

Os primeiros Suzuki Jimny chegam aos 11 concessionários portugueses ainda no decorrer deste mês de outubro. O motor é o 1.5 a gasolina com 101cv, sempre 4x4 com redutoras. Os preços arrancam nos 21.483 euros.

Deixe o seu comentário