Mercedes-AMG SL 63 S E PERFORMANCE (Kraftstoffverbrauch gewichtet, kombiniert 7,7 l/100 km; Stromverbrauch gewichtet, kombiniert 11,5 kWh/100 km, CO2-Emissionen gewichtet, kombiniert 175 g/km)// Mercedes-AMG SL 63 S E PERFORMANCE (combined fuel consumption, weighted: 7.7 l/100 km, combined electrical power consumption, weighted: 11.5 kWh/100 km, combined CO₂ emissions, weighted: 175 g/km)

Mercedes SL também já é Plug-in e tem 816cv

Primeiro descapotável PHEV do mundo tem mais de 800cv e performances mais próprias de um hipercarro...

Primeiro descapotável PHEV do mundo tem mais de 800cv e performances mais próprias de um hipercarro...

Com 816 cavalos de potência, o Mercedes-AMG SL 63 S E Performance é o SL mais potente de todos os tempos. O construtor alemão adicionou um sistema híbrido de ligar à tomada e uma bateria para torná-lo no mais potente dos SL, e os números são impressionantes.

O SL63 S E Performance combina um motor V8 4.0 biturbo (de 612 cv) e um motor elétrico (de 204 cv), o que lhe permite oferecer 816cv e 1420 Nm, além de anunciar uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 2,9 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 317 km/h.

Este híbrido Plug-in conta com um sistema elétrico de 400V e uma bateria de 6,1 kWh de capacidade desenvolvida pela AMG, capaz de circular em modo elétrico em até 13 km.

A bateria fornece uma capacidade de armazenamento de energia de 6,1 kWh, 70 kW de potência contínua e 150 kW de potência máxima durante um período limitado. O carregamento processa-se através do carregador de bordo de 3,7 kW com corrente alternada num posto de carregamento, wallbox ou através de uma tomada elétrica doméstica.

O SL63 S E Performance conta com oito programas de condução, designadamente “Electric”, “Battery Hold”, “Comfort”, “Smoothness”, “Sport”, “Sport+”, “RACE” e “Individual”, que adaptam parâmetros importantes como a resposta da cadeia cinemática, da caixa de velocidades, da direção, do amortecimento da suspensão e do som.

Leia ainda: Novo Mercedes-AMG GT Coupé já está disponível

Os programas podem ser selecionados utilizando o botão AMG e o display central na consola central ou os botões do volante AMG. Normalmente, o SL63 S E Performance arranca silenciosamente (“Modo Silent”) no programa de condução “Comfort” quando o motor elétrico está ligado.

Esta versão de alta performance distingue-se pela tampa da tomada de carregamento e a designação do modelo realçada a vermelho, além das ponteiras do sistema de escape integram revestimentos trapezoidais duplos. De série, o híbrido está equipado com jantes em liga leve AMG multirraios de 20 polegadas.

No interior, este SL eletrificado inclui bancos desportivos AMG (com opção de bacquets com encosto de cabeça integrado), que podem ser em couro Nappa de um ou dois tons. A isso junta um sistema de infotainment MBUX com opções específicas AMG e do sistema híbrido.

O E Performance traz de fábrica o sistema ativo de quatro rodas direcionais, além de tração integral. A isso alia uma suspensão AMG Active Ride Control com prevenção semiativa do rolamento, em substituição da habitual barra de torção. Há ainda o sistema de travagem regenerativa com quatro níveis de intensidade, com opção de condução “one-pedal”.