Tragédia no Mundial Júnior de Moto3: piloto de 14 morre após queda em prova

Andreas Pérez não resistiu às lesões sofridas no acidente deste domingo

0 aos 100 11/06/2018 Desporto

O piloto espanhol Andreas Pérez, de 14 anos, morreu esta segunda-feira na sequência das lesões cerebrais sofridas numa queda, domingo, durante uma prova do Mundial Júnior de Moto3, no circuito de Montmeló.

O jovem piloto, promessa do motociclismo espanhol, que foi campeão da Catalunha com apenas 9 aos, sofreu uma queda à saída da curva 5 do circuito, tendo sido atropelado por "vários pilotos que vinham atrás e que não conseguiram evitá-lo", referiu ainda no domingo a Real Avintia, equipa de Andreas Pérez.

Após o acidente, o jovem espanhol ainda recebeu assistência médica na pista, mas foi rapidamente transferido de helicóptero para o Hospital de Sant Pau (Barcelona), no qual passou as últimas horas nos cuidados intensivos. Esta segunda-feira confirmou-se o pior. 

"Apesar dos grandes esforços da equipa médica do circuito e do hospital, o Andreas não conseguiu superar os ferimentos graves e perdeu a vida na manhã de 11 de junho", lê-se no comunicado.

O piloto foi um dos destaques da última edição da Taça de Talentos Europeus, no ano passado, tendo alcançado a quarta posição na classificação geral, com duas vitórias e duas 'pole positions'.

Esta época, Perez tinha sido promovido à categoria de Moto3, competindo no Campeonato do Mundo Júnior pela equipa espanhola Reale Avintia Academy.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Teste ao Usado. Mercedes-Benz CLA Shooting Brake 180d AMG: Fazer tudo bem não é para todos...
Teste ao Usado: BMW 520d Touring. Elegância é isto!