Opel revela consumos reais do renovado Astra 1.6 Turbo D

Medição de emissões em condições reais incluída pela primeira vez numa norma de certificação

Luis Neves 16/05/2018 Noticias

A partir de 1 de setembro de 2018, todos os veículos novos comercializados na União Europeia terão de ter os seus consumos homologados no ciclo de medição de consumos e emissões WLTP, mais consistente com situações reais de utilização que o antigo ciclo NEDC.

Juntamente com o ciclo WLTP entra igualmente em vigor regras mais restritivas quanto às normas de emissões poluentes Euro 6 e a medição de emissões reais de condução, o que implica alterações em muitas motorizações e fabricantes.

A Opel antecipa-se à entrada em vigor do WLTP e anuncia o lançamento de duas mecânicas de 1,6 litros revistas e atualizadas, uma a Diesel de outra a gasolina. O 1.6 Turbo continuará a desenvolver 200 cv e 300 Nm, acelerando até aos 100 km/h em 7,8 segundos – 0,1 segundos mais lento no caso da carrinha Astra Sports Tourer.

Relacionadas:

O Astra 1.6 Turbo de 200 cv conta agora com um filtro de partículas no sistema de escape e os consumos anunciados segundo o ciclo WLTP oscilam entre os 4,9 l/100 km e os 8,5 l/100 km.

Para o Astra de cinco portas, o consumo urbano é de 8,4-8,2 l/100 km (antes, segundo o ciclo NEDC, o anunciado era de 8,1 l/100 km), o consumo extra-urbano é de 5,4-5,0 l/100 km (5 l/100 km) e o consumo médio de 6,5-6,2 l/100 km (6,2 l/100 km).

Quanto ao motor turbodiesel 1.6 Turbo D do Astra, com 136 cv de potência e 320 Nm de binário, passa a estar equipado com catalisador de redução seletiva SCR (Selective Catalytic Reduction), um sistema que minimiza as emissões de óxidos de azoto (NOx) graças à injeção de AdBlue nos gases de escape.

A solução decompõe-se em amoníaco que se deposita no miolo da panela catalítica, com o qual os óxidos de azoto reagem e são reduzidos seletivamente a azoto e água.

A Opel anuncia para este motor, na variante de 5 portas, um consumo homologado WLTP entre os 3,9 l/100 km e os 6,1 l/100 km. O consumo médio em cidade é de 5,5-5,3 l/100 km (antes 4,5 litros aos cem), o extra-urbano de 4,1-3,9 l/100 km (antes 3,5 l/100 km) e o médio entre 4,6 e 4,4 l/100 km (antes 3,9 l/100 km).

Os próximos passos da Opel para a redução das emissões serão dados com o lançamento, até 2020, de quatro modelos ‘eletrificados’, incluindo a nova geração Corsa, que terá uma versão totalmente elétrica. Em 2024, a Opel promete ser “uma marca totalmente ‘eletrificada’, oferecendo soluções híbridas ou elétricas em todos os modelos de passageiros, a par das versões com motores térmicos”.

Deixe o seu comentário