Ariya, o SUV elétrico da Nissan com até 500 km de autonomia

Nissan reforça oferta elétrica com o Ariya, SUV eléctrico que pode chegar aos 500 km de autonomia

0 aos 100 24/10/2021 Noticias

O melhor de dois mundos: o formato SUV e a tecnologia elétrica. É assim que a Nissan apresenta o Ariya, o seu primeiro SUV elétrico que chega no verão do próximo ano. O período de pré-vendas arranca em janeiro.

No primeiro contacto visual com o novo elétrico da Nissan, confirma-se o estilo futurista de um SUV com o formato da moda, de SUV Coupé, com uma linha de tejadilho bastante baixo, que lhe confere ar dinâmico, algo que a Nissan promete que terá sinónimo na condução, anunciando-o como “o crossover com condução de alta performance”.

O logotipo da Nissan na dianteira é retroiluminado, embora não se saiba para já se essa solução passará à produção.

Com 4,5 metros de comprimento (cerca de 20 cm mais comprido que o Qashqai), o Ariya apresenta um interior desafogado e espaçoso, destacando-se pelo ambiente hi-tech, com dois ecrãs dispostos na horizontal e consola central deslizante.

Veja ainda:

Conta ainda com botões hápticos iluminados, que só aparecem quando se liga o veículo, o que oferece um toque tecnológico e de luxo ao habitáculo. O Ariya, de resto, estreia uma nova chave inteligente que funciona por aproximação.

Duas baterias e quatro versões

A gama será composta por baterias de 63 kWh e de 87 kWh, sendo que a primeira opção estará disponível apenas na versão de acesso, com 218 cv e autonomia para 360 km.

Já a bateria de 87 kWh está dividida em três versões, uma de tração dianteira com 242 cv e 500 km de autonomia, enquanto as versões de tração integral E-4orce (uma tecnologia que permite a vectorização de binário em cada roda), com um motor por eixo. A primeira tem 306 cv e 400 km de autonomia, enquanto a segunda, denominada E-4orce Performance, debita 394 cv e promete 400 km de autonomia.

Estaversão anuncia ainda uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 5,1 segundos e uma velocidade máxima de 200 km/h. Além das soluções de carregamento a 2,3 kW, 7,4 kW e 22 kW, as baterias refrigeradas a líquido do Ariya estão preparadas para receber cargas rápidas até 130 kW, sendo possível obter o equivalente a 300 km de autonomia em apenas 30 minutos.

E os preços?

Para já ainda não são conhecidos, com a Nissan a adiantar apenas que estão ainda em discussão. Contudo, aponta que os principais concorrentes do Ariya serão o Kia EV6 e Hyundai Ioniq 5, pelo que a estimativa de preço aponta para um intervalo entre 45.000 e 50.000 euros, valores que corresponderão à versão de acesso à gama, com bateria de 63 kWh.

Qashqai e X-Trail E-Power

Também para o verão está previsto o lançamento da versão E-Power do novo Qashqai (tecnologia em que um motor a gasolina gera energia elétrica para o motor elétrico fazer mover as rodas), que será acompanhado pela nova geração do X-Trail, igualmente dotado com uma versão E-Power, além de um novo SUV elétrico do segmento B que será produzido em Sunderland (no Reino Unido) – que poderá ser o substituto do Leaf.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Nissan Juke 1.0 DIG-T N-Design: Perfil ganhador
Toyota Yaris 1.5 híbrido. Espécie evoluída