Mercedes-Benz renova Classe C

Alterações de pormenor e novos equipamentos de série e como opção

0 aos 100 14/02/2018 Noticias

A Mercedes-Benz atualizou a gama Classe C Limousine e Station. Com estreia ao público agendada para o Salão de Genebra, na Suíça, que abre portas dentro de três semanas, este facelift carateriza-se por atualizações estéticas, novos equipamentos de série e pela utilização de novos materiais no interior.

Por fora, nota-se o novo desenho dos faróis e farolins traseiros. Pela primeira vez neste modelo, estão disponíveis os faróis MULTIBEAM LED com luzes de máximos ULTRA RANGE.

Na nova versão, a linha de design exterior AMG inclui de série a grelha do radiador com padrão em diamante. Os para-choques dianteiros foram redesenhados para todas as linhas de equipamento. O para-choques dianteiro inclui uma lamela prateada (de série), uma lamela cromada (em combinação com a linha de design exterior AVANTGARDE) ou três lamelas cromadas (linha de design exterior EXCLUSIVE).

Em combinação com a linha de design exterior AMG, o modelo está equipado com um para-choques dianteiro AMG com uma nova geometria enquanto o para-choques traseiro, com painel em forma de difusor, apresenta um novo design. O para-choques traseiro nas versões Limousine e Station inclui uma nova secção inferior, na qual a geometria, o revestimento e o revestimento das ponteiras do tubo de escape variam em função do equipamento e da versão do motor.

Relacionadas:

O espetro de cor foi alargado através da inclusão das cores prata Mojave metalizado e verde esmeralda metalizado para as versões Limousine e Station.

No interior, o botão start/stop tem um novo design em forma de turbina. A chave do veículo também foi alvo de remodelação e apresenta igualmente um novo design. Aqui, os clientes podem escolher entre três variantes: preto com guarnição em cromado brilhante, branco com guarnição em cromado ou branco brilhante com guarnição em cromado mate.

Painel de instrumentos totalmente digital disponível como opção

O Classe C adota o conceito do atual Classe S, com o opcional painel de instrumentos totalmente digital, que permite escolher entre três estilos diferentes de painéis de instrumentos – o "Classic", o "Sport" e o "Progressive".

As opções de motor continuam a ser as mesmas. Começam no C160 e C180, ambos 1.6 a gasolina, com 129 e 156cv, prosseguindo com o C200 de 184cv e os AMG 43 e 63.

A gama Diesel arranca com os 180d e 200d, ambos 1.6, com 116 e 136cv, respeticamente. Seguem-se o 220d de 170cv e o C250d de 204cv. A gama fica completa com os híbridos C350e a gasolina e C300h a diesel.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente
Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva