Rivian vai construir fábrica de carros elétricos na Europa

Produção poderá arrancar já em 2022

0 aos 100 14/02/2021 Noticias

A Rivian encontra-se a avaliar a localização para construir a sua primeira fábrica no Velho Continente, onde espera iniciar a produção em 2022.

Segundo a Bloomberg, a start-up americana de carros elétricos ainda não decidiu o local, estando a considerar vários países europeus, entre os quais o Reino Unido, Alemanha e Hungria.

A empresa, sediada em Irvine, na Califórnia, prepara-se para iniciar a produção dos seus primeiros modelos, a pick-up R1T e o SUV R1S. Nos Estados Unidos, as entregas do primeiro arrancam em junho, o segundo em agosto.

Veja ainda:

Tanto o Rivian R1T como o R1S prometem autonomias de até 644 km e 753cv de potência graças a uma mecânica elétrica dotada de quatro motores elétricos - um por roda -, e preços a partir de 67.500 dólares (o equivalente a 57.000 euros).

Ambos contarão com sistemas de condução inéditos, como o “tank turn” (“curva de tanque” em tradução literal) e “tank steer” (direção de tanque), ou seja, serão capazes de rodar sobre o eixo vertical em pisos de terra, como um tanque, o que não deixará de ser uma preciosa ajuda nas manobras mais complicadas.

Com quatro motores para cada uma das rodas, um software ordena às rodas da esquerda para girarem para trás e às rodas da direita para executarem o movimento oposto. Contudo, a Rivian alerta que o “Tank Turn” só é possível em terrenos escorregadios, como lama, terra, gelo ou superfícies semelhantes. No asfalto, o sistema não funciona.

A Rivian, de resto, já admitiu que tem planos para desenvolver modelos mais pequenos, a pensar precisamente no mercado europeu.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ao volante do Hyundai Kauai Hybrid. Inteligência funcional
DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente