MotoGP não garante Grande Prémio de Portugal em 2021

Prova voltará a ser reserva no próximo ano

0 aos 100 23/09/2020 Desporto

A DORNA Sports, entidade detentora em exclusividade dos direitos comerciais e televisivos do MotoGP, admitiu que o Grande Prémio de Portugal de MotoGP não deverá realizar-se em 2021, ficando novamente como prova de reserva. 

"O acordo com o autódromo de Portimão, que já era um circuito de reserva para esta temporada, é para este ano. Temos já os acordos estabelecidos com outros circuitos para 2021, os quais temos de respeitar. Já temos 20 circuitos definidos para para a próxima temporada e não podemos ir além desses 20 Grandes Prémios. Esse é o limite", explicou o Managing Director da DORNA, Pau Derracanta.

Veja ainda:

O responsável lambra que o regresso do MotoGP a Portugal se deve à especificidade da temporada de 2020, marcada pela pandemia da COVID-19 e ao cancelamento de vários outros grandes prémios.

"Em 2021 o Grande Prémio de Portugal voltará, como era este ano, a voltar a ser um Grande Prémio de reserva. A partir daím para o futuro, logo se vê", sublinhou.

Os bilhetes para o regresso do MotoGP a Portugal, a 22 de novembro, já estão à venda, com preços que oscilam entre os 55 euros (Bancada Peão A) e os 185 euros (três dias, Bancada Principal Superior).

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente
Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva