Miguel Oliveira consegue a melhor qualificação de sempre no MotoGP

Piloto português vai arrancar do quinto lugar da grelha para o GP Andaluzia

0 aos 100 25/07/2020 Desporto

Dia histórico para o motociclismo português. Miguel Oliveira garantiu este sábado a melhor qualificação da carreira em MotoGP, ao alcançar o quinto lugar da grelha de partida para o Grande Prémio da Andaluzia, segunda prova da temporada.

O piloto português, que foi o mais rápido na primeira fase da qualificação, garantiu um lugar entre os 12 mais rápidos do pelotão pela primeira vez desde que subiu à categoria rainha do Mundial de velocidade.

Na segunda sessão de qualificação, o piloto de Almada saiu apenas uma vez para a pista, realizando a sua melhor volta em 1.37,344 minutos, a 337 milésimas do francês Fabio Quartararo (Yamaha), autor da ‘pole position' e líder do campeonato.

"É a nossa melhor posição inicial e é algo que queríamos melhorar desde o fim de semana passado, por isso estamos felizes. Mas é claro que estamos conscientes de que o trabalho ainda não está feito. Ainda temos de terminar a corrida de amanhã com muitos pontos, por isso vamos continuar a trabalhar, afinar os últimos detalhes e manteremos uma mentalidade forte para amanhã", referiu o piloto português em declarações ao site da equipa Red Bull KTM Tech3.

Veja ainda:

O melhor resultado de Miguel Oliveira em qualificação tinha sido o 13.º lugar do GP da Áustria do ano passado e o piloto português é, assim, o melhor representante da KTM na grelha de partida para a corrida de domingo.

Maverick Viñales (Yamaha) e Francesco Bagnaia (Ducati) completam a primeira linha da grelha. Ao lado de Miguel Oliveira estará o italiano Valentino Rossi (Yamaha), quarto mais rápido (apenas menos 0,02). 

Miguel Oliveira é oitavo classificado no Mundial de MotoGP, com oito pontos conquistados, após a realização de uma corrida, num ano fortemente perturbado pela pandemia de covid-19.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Mazda3 1.8 Skyactiv-D 116cv Evolve: Direto ao topo
Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'