Ferrari perde direitos legais sobre 250 GTO

A partir de agora é legalmente permitida a construção de réplicas do clássico mais caro de sempre em leilão

0 aos 100 11/07/2020 Noticias

A Ferrari perdeu os direitos legais de um dos seus modelos mais icónicos da sua história: o 250 GTO.

O modelo detém, atualmente, o recorde de automóvel clássico mais caro de sempre a ser leiloado por um valor recorde estabelecido nos 41,6 milhões de euros.

Os direitos foram perdidos numa disputa em tribunal com a Ares Design, empresa especializada em réplicas e que tinha planos para fazer reproduções modernas do 250 GTO. No início do ano passado, o tribunal decidiu a permanência do 250 GTO como uma obra de arte que “não poderia ser reproduzida ou imitada”. Contudo, a Ares Design contestou a decisão, levou o caso a tribunal e acabou por vencer.

Veja ainda:

Isto significa que a partir de agora é legalmente permitida a construção de réplicas por parte de outras empresas. 

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Mazda3 1.8 Skyactiv-D 116cv Evolve: Direto ao topo
Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'