Governo quer criar rede de Postos de Carregamento Ultra Rápido

Plano prevê instalação de 12 Postos de Carregamento Ultra Rápido (PCUR)

0 aos 100 07/06/2020 Noticias

O Governo propõe a criação de um programa nacional de reforço da rede de carregamento de veículos elétricos e o desenvolvimento de uma Plataforma de Gestão da Rede MOBI.E e do Portal da Mobilidade Elétrica.

“Pretende -se induzir, através da MOBI.E, o reforço da rede nacional de carregamento de veículos elétricos, com principal enfoque na rapidez do carregamento” e, para tal, o Governo propõe “um programa nacional de reforço da rede de carregamento”, segundo o Programa de Estabilização Económica e Social, aprovado na quinta-feira em Conselho de Ministros e publicado no sábado à noite no suplemento do Diário da República.

Neste contexto, o executivo propõe uma rede de Postos de Carregamento Ultra Rápido (PCUR), prevendo a instalação de 12 destes postos “nas principais vias de comunicação do país”, e uma rede de ‘hubs’ de carregamento nas principais cidades, envolvendo a instalação de 10 hubs de carregamento de veículos elétricos, num máximo de um por município”.

Veja ainda:

Além da expansão da rede pública de mobilidade elétrica, o Governo prevê o desenvolvimento de uma Plataforma de Gestão da Rede MOBI.E e do Portal da Mobilidade Elétrica, “com o objetivo de constituir a interface digital única que permita tratar todos os processos relativos à mobilidade elétrica (desde licenciamentos, autorizações, até à contratação de serviços)”, lê-se no Programa de Estabilização Económica e Social.

No dia 1 de julho termina o período transitório da rede MOBI.E, iniciando-se o pagamento dos carregamentos nos postos de carregamento normal de acesso público.

Os postos de carregamento rápido, bem como os carregadores localizados em espaços privados já tinham iniciado a cobrança deste serviço, respetivamente, em 1 de novembro de 2018 e 1 de abril de 2019.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente
Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva