Centros de inspeção automóvel podem abrir segunda-feira

Mantém-se o regime excecional que alarga em cinco meses as inspeções que deveriam ser feitas entre 13 de março e 30 de junho

0 aos 100 15/05/2020 Noticias

As escolas de condução e centros de inspeção automóvel podem reabrir na segunda-feira, mas mantém-se em vigor um regime excecional, que prorroga os prazos desta obrigação em cinco meses.

Estas medidas fazem parte das alterações às iniciativas de caráter extraordinário apresentadas pelo Governo, no âmbito do plano de desconfinamento.

Em comunicado, o Ministério das Infraestruturas e Habitação (MIH) referiu que o Governo determinou "a reabertura ao público dos centros de inspeção automóvel a partir do dia 18 de maio de 2020" (segunda-feira), o que irá "permitir a abertura ao público dos centros de inspeção aos utentes para que procedam à inspeção periódica de veículos".

Esta medida depende do "cumprimento de medidas de ocupação, permanência e distanciamento físico que salvaguardem os utentes e os funcionários".

De acordo com a tutela mantém-se, no entanto, em vigor "o regime excecional de inspeção periódica, segundo o qual os veículos a motor e seus reboques, ligeiros ou pesados, que devessem ser apresentados à inspeção periódica no período que decorre desde 13 de março de 2020 até ao dia 30 de junho de 2020, veem o seu prazo prorrogado por cinco meses contados da data da matrícula".

O MIH esclarece ainda que se mantém igualmente "o regime excecional de responsabilidade civil automóvel, em que as seguradoras assumem a responsabilidade pelos acidentes ocorridos com viaturas sem inspeção periódica, desde que o seguro esteja ativo".

 Além disso, a partir de segunda-feira "é retomado o ensino da condução nas modalidades de ensino teórico e de ensino prático da condução, bem como a formação presencial teórica e prática de certificação de profissionais".

O Governo irá autorizar a "realização de exames teóricos da condução e os exames teóricos para obtenção de capacidade profissional".

De acordo com o mesmo comunicado, o Governo "determina ainda que a partir de 25 de maio de 2020 é possível retomar a realização dos exames práticos da condução e certificação de profissionais".

No caso dos exames práticos, "será obrigatória, entre outras regras, a utilização de máscara por todos os ocupantes do veículo (o candidato a condutor, o examinador e o instrutor na retaguarda) e a higienização do habitáculo e de todos os comandos do veículo antes e após cada sessão ou prova de exame", indicou a tutela.

Para poderem reabrir, "as escolas de condução e os centros de formação licenciados pelo IMT [Instituto da Mobilidade e dos Transportes] terão de cumprir as regras sanitárias definidas em articulação com a Direção-Geral da Saúde", incluindo o uso obrigatório de máscara, as regras de distanciamento e de higienização.

 

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Mazda3 1.8 Skyactiv-D 116cv Evolve: Direto ao topo
Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'