Confirmado: vai haver um Porsche Taycan mais barato e com uma bateria mais 'pequena'

Três novas versões terão tração traseira, incluindo uma versão GTS para os mais puristas

0 aos 100 03/05/2020 Noticias

Era só uma questão de tempo. A Porsche prepara-se para reforçar a gama Taycan com novas opções mais "acessíveis" que se posicionarão logo abaixo do 4S, tendo como denominador comum o facto de terem tração traseira.

Além de um preço mais baixo, estas novas versões, que receberão a designação Taycan, Taycan S e Taycan GTS, permitirão baixar o preço, mas também uma promessa de maior prazer de condução, destinada a clientes mais “puristas”, especialmente no caso do GTS.

Atualmente, a opção mais barata é o Taycan 4S, que começa nos 110.128 euros. Esta versão de tração às quatro rodas vem equipada por uma bateria de 79,2 kWh com opções de 530 e 571 cv. Acima desta há ainda o Taycan Turbo e Turbo S, com 680 e 761 cv, respetivamente.

Veja ainda:

Estas novas versões de tração traseira permitirão igualmente poupar algum peso (cerca de 100 kg – dos quais 71 kg pertencem ao motor dianteiro –, além de incluírem baterias mais pequenas), assim como consumos mais comedidos e no caso do GTS uma autonomia superior.

De acordo com a Auto Motor und Sport, a nova opção de entrada da gama Taycan terá uma bateria de 65 kWh, 390 cv, autonomia para 360 km e um peso de 2040 kg. A opção seguinte, Taycan S contará com baterias de 79,2 kWh, 425 cv, 435 km de autonomia e 2120 kg.

Por último, o Taycan GTS contará com a bateria maior de 93,4 kWh, capaz de oferecer 460 cv, autonomia para 490 km e 2200 kg.

Ao todo (e até ver), o Taycan terá uma gama composta por seis versões: Taycan, Taycan S, GTS, 4S, Turbo e Turbo S. Contudo, fala-se já em versões ainda mais potentes (e até puristas) como Taycan GT e Taycan GT2, por exemplo.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'
Ensaio ao Mazda3 1.8 Skyactiv-D 116cv Evolve: Direto ao topo