França reduz o limite de velocidade em estrada

Medida tem como objetivo salvar 400 vidas por ano

Miguel Costa 10/01/2018 Noticias

A partir de 1 de julho de 2018, os mais de 400 mil quilómetros de estradas francesas (estradas nacionais) passarão a ter a velocidade máxima limitada a 80 km/h, em lugar dos atuais 90 km/h.

"Impopular, mas necessário", é como o primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, classificou a medida. "Se para salvar vidas é preciso ser impopular, eu aceito", reiterou em entrevista ao Jornal du Dimanche.

A decisão, que está a causar muita polémica, faz parte de um conjunto de medidas com vista a reduzir a sinistralidade rodoviária em França. Segundo Édouard Philippe, o objetivo passa por “reduzir o elevado número de mortos e feridos, uma vez que 2/3 dos acidentes têm lugar nas estradas nacionais”, onde o limite está fixado em 90 km/h.

Com esta medida o governo francês espera reduzir entre 350 e 400 mortes por ano. Em 2016, mais de 1900 pessoas perderam a vida nas estradas nacionais francesas. 

As associações de automobilistas opõem-se fortemente à alteração e já circulam na internet petições com milhares de assinaturas, visando pressionar os governantes para voltar atrás na decisão. Lembram que os abusos que provocam acidentes vão continuar, pois os 10 km/h a menos não vão beliscar os que passam sinais vermelhos, excedem os limites de velocidade e conduzem sob o efeito de álcool ou de estupefacientes.

Deixe o seu comentário