35% dos portugueses pretendem comprar carro este ano; a maioria a gasolina

Na área metropolitana de Lisboa regista-se uma maior intenção de comprar carro e há preferência pelos carros usados.

0 aos 100 18/02/2020 Noticias

Cerca de 35% dos portugueses têm intenção de comprar carro ainda em 2020, de acordo com os dados do Observador Cetelem Automóvel 2020 e num estudo que envolveu a participação de consumidores de 15 países.

Dos inquiridos, 15% prefere carros novos e 20% veículos usados. Nas cidades de Lisboa e Porto regista-se uma maior intenção de comprar carro (47%) do que os moradores das pequenas e médias cidades (39%) ou os inquiridos a viver em zonas rurais (30%).

Tendo em conta que o rendimento faz toda a diferença na hora de comprar um carro, 47% dos agregados com maiores rendimentos estão a equacionar uma aquisição. Por outro lado, há menos famílias de classe média (37%) e média baixa (28%) com intenção de adquirir uma nova viatura.

Veja ainda:

No que respeita ao combustível, a gasolina (59%) aparece no topo das preferências, mas a eleição de um modelo híbrido ou até totalmente eléctrico, apresenta um forte apelo (49% e 33%, respectivamente). Já o domínio do diesel parece estar em declínio (32%).

O baixo custo, a Segurança (42%), o conforto (34%) e a durabilidade (29%) são características essenciais num automóvel, de acordo com as respostas dos inquiridos. No estudo, estiveram envolvidos 15 países e 86% acredita que iremos continuar a comprar carro nos próximos 10 anos. Os portugueses estão 14 pontos percentuais acima da média.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'
Ensaio ao Mazda3 1.8 Skyactiv-D 116cv Evolve: Direto ao topo