Oitava etapa do Dakar cancelada para as motas

Organização cancelou oitava etapa para motas e quads devido à morte de Paulo Gonçalves

0 aos 100 12/01/2020 Desporto

A organização do Dakar decidiu cancelar a oitava de 12 etapas para motas e quads, prevista para segunda-feira, devido à morte do piloto português Paulo Gonçalves na tirada de hoje.

A decisão foi tomada "em conjunto com equipas e pilotos" e surge devido à "consternação" que afetou "sobretudo os pilotos das motas", pois o português "era uma figura querida da prova, imensamente respeitado tanto pelos veteranos como pelos menos experientes pilotos que o admiravam e se sentiam inspirados por ele", escreveu a organização, em comunicado.

A anulação da etapa, com partida e chegada em Wadi Al Dawasir, surge "para dar tempo aos pilotos de fazerem o luto" pela morte do piloto português.

A organização anunciou, ainda, uma homenagem que irá decorrer esta noite, no acampamento da prova, e que irá reunir todos os participantes.

Veja ainda:

Paulo Gonçalves era o mais veterano dos pilotos que lutava pelos lugares cimeiros, o único dos principais ‘motards’ que ainda tinha participado nas edições africanas da prova. Os restantes já se retiraram ou passaram para os automóveis.

O piloto português morreu este domingo na sequência de uma queda durante a sétima de 12 etapas da 42.ª edição do Dakar, na Arábia Saudita.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva
DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente