Alfa Romeo Giulia e Stelvio atualizados. Consegue detetar as diferenças?

Atualização traz maior qualidade e refinamento do habitáculo e também no capítulo da tecnologia

0 aos 100 19/11/2019 Noticias

A Alfa Romeo acaba de revelar a atualização do Giulia e Stelvio, para “aguentar” mais uns anos, até uma renovação mais profunda. As mudanças são mais ligeiras do que evidentes, exigindo um olhar atento e procurando, sobretudo, melhorar a qualidade e o reforço da tecnologia.

A gama passa agora a dividir-se entre a versão de acesso, Super, Ti (Turismo Internazionale), Sprint e Veloce. A versão base do Giulia recebe jantes de 16 polegadas e interiores em tecido, a Super ganha jantes de 17”, a Ti de 18”, aplicações em madeira e bancos em couro, o Sprint inclui detalhes em alumínio e o Veloce bancos desportivos.

É ainda possível conjugar o Veloce com o Ti, com apontamentos a fazer lembrar o Quadrifoglio – que também será atualizado no decurso de 2020 -, nomeadamente jantes de 19”, aplicações em carbono e bancos em couro e alcantara, além de detalhes aerodinâmicos específicos (como um spoiler em carbono, saias laterais e lábio dianteiro).

No interior é onde há mais novidades com a inclusão de um novo sistema de infotainment com ecrã de 8,8 polegadas de série e novos sistemas de ajuda à condução, onde se inclui um novo assistente de condução autónoma de nível 2.

Veja ainda:

Também novo é o volante, a consola central redesenhada, painel de instrumentos digital de 7 polegadas, novo comando rotativo na consola central e um novo sistema de carregamento por indução do smartphone.

A oferta mecânica é composta pelo motor 2.0 a gasolina de 200 cv (com opção de tração integral Q4 no Stelvio) e 280 cv, o 2.2 turbodiesel com 160, 190 e 210 cv, e o Quadrifoglio de 510cv.

Adiada, para já, ficou a introdução do motor 1.33 a gasolina de 180cv, estreado no Jeep Renegade e Fiat 500X, já confirmado no Tonale, o futuro SUV compacto da Alfa Romeo.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva
DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente