Patentes da Tesla revelam a maior revolução do limpa pára-brisas

Tesla Roadster pode estrear limpa-pára-brisas eletromagnético

0 aos 100 11/09/2019 Noticias

O limpa pára-brisas é um dos elementos do automóvel que pouco ou nada evoluíou desde a sua aparição em 1903, algo que poderá mudar em breve segundo revela um pedido de patente da Tesla, que poderá revolucionar o limpa pára-brisas como o conhecemos.

A ideia da marca de Elon Musk reside na reinvenção de como transmitir o movimento ao braço do limpa pára-brisas. Ainda temos um braço, mas em vez de usá-lo através de um movimento semicircular descrito por um mecanismo que combina engrenagens, braços e pelo menos um motor elétrico, a ideia da Tesla dispensaria a complexidade mecânica das escovas normais.

O sistema patenteado pela Tesla recorre a um atuador electromagnético linear, que faz a escova atravessar horizontalmente o pára-brisas, cobrindo toda a área, em vez dos habituais semi-círculos dos mecanismos tradicionais.

Veja ainda:

A variação do campo eletromagnético permitiria adaptar a velocidade de movimento do limpa para-brisas, podendo adaptar a velocidade de movimento de acordo com as necessidades de varrimento.

Ourra vantagem é estética, uma vez que pode ser recolhido completamente para uma secção à frente do para-brisas quando não está em uso, permitindo o design mais limpo e aerodinâmico.

A estreia do limpa-pára-brisas electromagnético poderá acontecer no novo Tesla Roadster, que chega já em 2020.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Teste ao Usado: BMW 520d Touring. Elegância é isto!
Teste ao Usado. Mercedes-Benz CLA Shooting Brake 180d AMG: Fazer tudo bem não é para todos...