Renault tem novo motor 1.3 TCe

Adaptado às normas de emissões Euro VII, novo motor substitui o 1.2 TCe

Miguel Costa 07/12/2017 Noticias

Adaptado às normas de emissões Euro VII, novo motor substitui o 1.2 TCe

A aliança Renault-Nissan, em conjunto com a Mercedes-Benz, acaba de apresentar um novo motor a gasolina de quatro cilindros com 1330 cc para substituir o 1.2 TCe.

O novo motor, que estará disponível em três patamares de potência - 115, 140 e 160cv -, poderá ser associado a uma caixa manual ou de dupla embraiagem EDC de sete relações.

“O nosso novo motor a gasolina resulta da experiência dos engenheiros da Renault, da Aliança e do nosso parceiro Daimler”, sublinhou Phillippe Brunet, Vice Presidente Global do Departamento de Motorização e Veículos Elétricos.

“Em comparação com o Energy TCe 130, o novo Energy TCe 140 oferece mais 35 Nm de binário, que fica também disponível numa faixa de utilização mais ampla, agora entre as 1.500 rpm e as 3.500 rpm", acrescentou Philippe Brunet.

Tecnicamente, incorpora diversas inovações recentemente desenvolvidas pela Aliança, como o “Bore Spray Coating”, uma tecnologia de revestimento dos cilindros usada no motor do Nissan GT-R, que melhora a eficiência, através da redução do atrito e otimização da transferência de calor.

Além disso, a tecnologia “Dual Variable Timing Camshaft” controla as válvulas de admissão e de escape de acordo com a carga do motor. O resultado expressa-se num maior binário a baixas rotações e num binário mais linear em rotações mais elevadas, com vantagens significativas em termos de conforto de condução, dada a otimização da resposta nos regimes de rotação intermédios.

Será lançado em 2018, inicialmente no Scénic e Grand Scenic, estendendo-se depois ao Mégane e ao Clio, modelos da Nissan e Mercedes-Benz.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Teste ao Usado. Mercedes-Benz CLA Shooting Brake 180d AMG: Fazer tudo bem não é para todos...
Teste ao Usado: BMW 520d Touring. Elegância é isto!