Acabou a espera. Série 8 já tem M8 e M8 Competition

M8 chega acompanhado da variante Cabrio e do explosivo Competition, igualmente em Cabrio

0 aos 100 04/06/2019 Noticias

De uma assentada, a BMW mostrou as duas variantes mais “assanhadas” do Série 8 e logo nas suas derivações Coupé e Cabrio: o M8 Coupé e Cabrio e o M8 Competition nas variantes Coupé e Cabrio. Em Portugal dentro de meses.

Comum a todos é o impressionante motor V8 de 4,4 litros com tecnologia M TwinPower Turbo, o mesmo do M5, acoplado a uma caixa automática de oito velocidades, a debitar 600 cv na versão normal e 625 cv na versão Competition.

Fruto de um tal “poder de fogo”, todos os M8 fixam como velocidade máxima anunciada os 250 km/h. Isto, devido à imposição de um limitador electrónico. Retirado, no entanto, este pequeno artefacto, o M8 só pára nos 305 km/h!

O M8 menos potente acelera dos 0 aos 100 km/h em escassos 3,3 segundos, dos 0 aos 200 km/h em 10,8 segundos, enquanto o Competition melhora o primeiro registo em 0,1 segundos (3,2 segundos) e no segundo algo como 0,2 segundos (10,6 segundos).

Uma das novidades da nova “arma” da BMW M é o botão “Setup” colocado “à mão” na consola central, dispensando a navegação por submenus do sistema de infotainment iDrive. Este botão “mágico” permitirá personalizar a afinação do motor, suspensão, direção, travões e do sistema de tração integral M xDrive.

Assim, o motor poderá ser ajustado nos modos Efficient, Sport e Sport Plus e o chassis nos modos Comfort, Sport e Sport Plus. No que toca à direção eletromecânica M e sistema de travagem existem as opções Comfort e Sport. O sistema xDrive, por seu turno, permite a escolha entre 4WD, 4WD Sport e 2WD (tração traseira).

Veja ainda:

Outra curiosidade é o novo sistema de travagem ajustável, que permite definir o nível de pressão que se pretende no pedal. Este sistema “brake by-wire” integra no mesmo módulo as várias fases da travagem, independentemente das condições do piso, da temperatura dos travões e se o carro estiver a fazer uma curva apertada a alta velocidade. Este efeito é possível graças à substituição da tradicional bomba de vácuo por um atuador comandado eletricamente (cerca de 2 kg mais leve) que aplica força de forma a obter uma forma mais rápida e precisa, dependendo do modo selecionado.

Este sistema de travagem funcionará em conjunto com os discos normais ou com os carbocerâmicos, disponíveis em opção.

Como se este arsenal fosse pouco, existe ainda um botão M Mode na consola central. Este possibilita o ajuste do painel de instrumentos, o head-up display e os diferentes modos de condução, incluindo o modo Track, exclusivo para as versões Competition.

O novo M8 fará a sua primeira aparição pública no evento BMW’s #NextGen que terá lugar em Munique no final deste mês, com o lançamento previsto para o próximo mês de setembro.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Teste ao Usado. Mercedes-Benz CLA Shooting Brake 180d AMG: Fazer tudo bem não é para todos...
Peugeot 508 2.0 HDi 160cv GT Line: Grande 'espada'