Réplica da 'Mona Lisa' das motos em edição limitada

'Nostalgia' custa cerca de 44 mil euros e tem por base a R NineT

0 aos 100 10/04/2019 Noticias

Em 1934, a BMW criou o protótipo de uma moto “diferente” e ousada. Com o nome de R7, a moto tinha influência do movimento Art Déco e o seu toque ornamentado e curvilíneo. Incrivelmente leve para a época (apenas 165 kg), contava com um motor boxer, obviamente, de 793 cm e os seus 36 cv eram capazes de a levar aos 145 km/h.

Destinada a dar origem a uma linhagem de motos desportivas da marca alemã, a R7 acabou por ir para a gaveta. Extremamente cara e ousada para a época, o único protótipo construído ficou guardado num armazém da BMW quase 70 anos. Restaurada pela própria BMW em 2005, a revolucionária R7 causou impacto em encontros e feiras de veículos clássicos.

Agora, a R7 inspirou a Nmoto, em Miami, Estados Unidos, que decidiu criar uma réplica da “Mona Lisa” das motos, como a R7 é conhecida pelos colecionadores. A réplica, que recebeu o nome de “Nostalgia”, dá agora à origem de uma edição limitada, que está disponível por encomenda por um valor de US$ 49.500 (cerca de 44 mil euros).

Feita de 96 peças construídas artesanalmente, a Nostalgia recria o perfil elegante e aerodinâmico da antiga R7, mas está assente numa moderna BMW R NineT, equipada com um motor boxer de 1.200 cc.

Veja ainda:

Incorporando a estética de uma das motos mais raras e icônicas da história sem sacrificar a performance e a experiência do condutor, a Nostalgia pretende ser uma obra de arte funcional.

Destaque para o painel de instrumentos engenhosamente incorporado no fral, como nas antigas BMW. Estará disponível com 11 combinações de cores, com opções de personalização que incluem direção ajustável, acabamentos do assento, caixa de bagagem e assento do passageiro.

“Oferece o estilo do modelo vintage original com toda a tranquilidade de uma moto nova”, afirmou o fundador da Nmoto, Alexander Niznik. "É a combinação perfeita e diferente de qualquer outra moto na estrada.", concluiu.

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente
Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva