Porsche volta a produzir o 911 GT2 RS. Mas só quatro...

Naufrágio leva Porsche a retomar produção de um dos mais desejados Porsche da atualidade

0 aos 100 19/03/2019 Noticias

A produção do 911 GT2 RS terminou em fevereiro último, mas a Porsche decidiu voltar atrás e retomar a produção, para fabricar apenas 4 exemplares, como forma de compensar a perda deste número de exemplares num recente naufrágio.

Um navio cargueiro chamado Grande América afundou na costa da França a 12 de março, após um incêndio. Entre a carga encontrava-se contentores com cerca de 2.000 carros, incluindo vários Audi A3, A5 Coupé e Sportback, Q7, RS4 e RS5 e pelo menos quatro Porsche 911 GT2 RS, vários Cayenne, 718 Cayman e 718 Boxster.

A Porsche, no entanto, não confirmou, oficialmente, ter automóveis seus entre a carga perdida, embora a Porsche Brasil, numa carta a que a Comunicação Social teve acesso, tivesse comunicado a um cliente a perda do 911 GT2 RS que este havia comprado, devido ao naufrágio.

“Lamentamos informar que, devido a um incêndio, um navio do grupo Grimaldi que transportava o seu veículo afundou-se a 12 de março de 2019, e que por esse motivo o seu GT2 RS não poderá ser entregue. Como deve saber, a Porsche encerrou a produção do 991 GT2 RS em fevereiro de 2019 e, em circunstâncias normais, não seria possível dar-lhe outro veículo. Mas, devido à natureza da situação, e considerando que é um cliente leal e altamente valioso para nossa marca, a Porsche decidiu retomar a produção do GT2 RS na Alemanha e o seu veículo será produzido em abril, com entrega prevista para junho. Recomendamos que entre em contato com o seu centro Porsche para obter mais informações”, pode ler-se na referida carta.

O 911 GT2 RS é atualmente um dos mais desejados da Porsche – e possivelmente um dos últimos 911 puristas. Está equipado com um motor 3.8 litros com 700 cv e 750 Nm, para pouco mais de 1400 kg. É capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em 2.8 segundos e atingir os 340 km/h. E são mais de 337 mil euros de carro.

Relacionadas:

Deixe o seu comentário

Pesquise aqui o seu futuro carro usado

Ensaio ao Renault Clio RS Line TCe 130 EDC: Faceta desportiva
DS 3 Crossback BlueHDi 100. A virtude de ser diferente