Livro da Ferrari inclui escultura de um motor V12

Apenas 1.947 cópias serão produzidas, mais 250 exemplares 'Art Edition' em homenagem ao Ferrari 250 GTO

0 aos 100 02/08/2018 Curiosidades

A Ferrari é possivelmente a marca mais icónica do mundo automóvel. Desde a sua fundação, apenas 70 anos se passaram, nos quais tornou-se uma referência cultural, técnica e aspiracional. O fascínio do público em geral pela Ferrari deu origem à publicação de centenas e milhares de livros sobre a marca. Embora nenhum tenha sido tão caro e exclusivo quanto "O Ferrari Opus", avaliado em mais de 100 mil euros, o livro publicado pela Taschen sobre a marca não é insuficiente. Custa até 25.000 euros e inclui uma escultura inspirada nos motores V12.

Trata-se de um livro sobre a história da marca italiana, concebido com a ajuda de colecionadores de todo o mundo, com centenas de fotos inéditas, desenhos e esboços de protótipos tirados diretamente dos arquivos confidenciais da Ferrari.

A capa deste livro de 514 páginas é forrada em couro vermelho. Estará limitado a 1.947 unidades, coincidindo com o ano em que a marca foi fundada. A estas juntam-se mais 250 cópias, disponíveis como "Art Edition".

O número 250 é uma alusão ao Ferrari 250 GTO, um dos carros mais lendários e valiosos da marca italiana. Enquanto as 1.697 cópias "convencionais" têm um preço de "apenas" 5.000 euros, as 250 cópias da edição “Art” terão um preço de 25.000 euros. Um valor com o qual podíamos comprar um Renault Mégane bem equipado.

Estes Art Edition distinguem-se dos demais porvirem acompanhados por uma caixa de alumínio desenhada pelo escultor Marc Newson. Esta caixa é feita de alumínio e reproduz um motor V12.

É, de resto, acompanhada por um púlpito-pedestal inspirado nos coletores de escape de um V12, que parece mais questionável. O que estamos claros é que é uma publicação adequada apenas para os entusiastas mais endinheirados da marca, não para outros entusiastas do mundo automóvel.

Deixe o seu comentário